Amazonas Formal & Informal

A Samsung pede uma trégua aos trabalhadores para negociar com o Sindicato

Redação
Escrito por Redação

A Samsung da Amazônia não vai amanhecer parada nessa sexta feira (13), conforme havia sido anunciado pelos Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas, porque a empresa chamou a direção da entidade sindical e prometeu resolver todas as irregularidades existentes.

Em uma reunião com mais de 08 horas de duração, entre o presidente do Sindicato dos metalúrgicos Valdemir Santana, o diretor de comunicação Sidney Malaquias e a direção da empresa, ficou “acertado”, que o Sindicato daria a trégua pedida pela empresa até a próxima quinta feira (19). Depois disso, a Samsung deve apresentar uma solução para todas as denúncias feitas pelos trabalhadores.

A própria empresa chamou o sindicato para conversar. Eles queriam um prazo que desse tempo deles solucionarem as reivindicações dos trabalhadores e os deslizes cometidos no cumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT).

Sidney disse que se até a próxima quinta feira, a Sansung não resolver os problemas, o Sindicato tomará todas as medidas cabíveis, políticas e jurídicas, incluindo uma greve por tempo indeterminado. E dessa vez não serão complacentes com a sucessividade de erros cometidos pela Sansung nas relações de trabalho e no cumprimento da CCT.

Para o diretor de comunicação, mais uma vez o Sindicato abre mão de medidas de impacto (paralisação) pela via negocial, porque entende ser essa, a melhor forma de solucionar os problemas trabalhistas, nas empresas do Distrito Industrial.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.