Amazonas Política

Adjuto Afonso defende abertura de hidrovias para baratear frete no Amazonas

Deputado Adjuto Afonso defende novas hidrovias/Foto: Divulgação
Deputado Adjuto Afonso defende novas hidrovias/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Durante a semana, o Mapa Brasileiro de Frete, realizado pela empresa Sontra Cargo, revelou que o Estado do Amazonas pratica o frete mais caro do país. Enquanto que nos demais Estados se paga em torno de R$ 0,15 a tonelada por quilômetro, o frete saindo do Pará com destino ao Amazonas tem custo médio de R$ 0,97 por tonelada, ou seja, 546% mais alto, notícia que foi destaque na mídia nacional, o que levou o deputado Adjuto Afonso (PP) a comentar esses números, em entrevista à TV Aleam, defendendo a abertura de novas hidrovias na região para baratear os custos.
“Eu entendo que é necessário priorizarmos aqui nossas hidrovias. Temos uma única hidrovia que liga Rondônia ao Amazonas, que é uma via de escoamento, e certamente se não tivesse seria bem mais caro. Nós temos a maior bacia hidrográfica do mundo e vamos lutar para que outras hidrovias saiam, como por exemplo, a hidrovia do Purus”, explica o deputado.

Adjuto Afonso ressalta que o elevado custo das mercadorias no Estado tem por base a questão logística. “Nós passamos muito tempo sem pensar nesse tipo de logística para escoamento de produção, tanto para o que se produz no Distrito quanto no que vem de lá pra cá. O custo de vida aqui é elevado porque tudo que se consome vem de fora. Aqui temos só mesmo de produção o Distrito Industrial. Precisamos pensar nisso e ver uma forma de amenizar a situação para que reflita também na mesa do consumidor”, finalizou o deputado.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.