Amazonas Cidades

Aeroporto de Parintins desenvolve plano de manejo e perigo de fauna

Aeroporto "Júlio Belém" com operações paralizadas/Foto:Divulgação
Aeroporto "Júlio Belém" com operações paralizadas/Foto:Divulgação
Redação
Escrito por Redação

A Prefeitura Municipal trabalha para retomar as operações de pouso e decolagem de voos no Aeroporto Júlio Belém, de Parintins, com a estimativa de que a normalização do funcionamento aconteça até início de novembro. Ontem (17), foi enviada a documentação para Infraero solicitando a realização dos serviços de medição de atrito e macroestrutura da pista do aeroporto. Em paralelo a direção do aeródromo realiza o plano de manejo e perigo da fauna.
De acordo com Sofia Haidos, esse tipo de serviço facilita o controle dos voos, o que proporciona maior segurança no pouso e decolagem. Ela explica que a prefeitura trouxe um biólogo de Manaus para contribuir com o plano de manejo e concluir até final de outubro, uma vez que foi solicitado com urgência pela a Agência Nacional de Aviação Civil.

Aeroporto "Júlio Belém" com operações paralizadas/Foto:Divulgação

Aeroporto “Júlio Belém” com operações paralisadas/Foto:Divulgação

“O plano de manejo está em fase de construção e após conseguirmos a assinatura do contrato pela Infraero, iremos demarcar os dias para a vinda dos técnicos e conclusão dos serviços”, frisa.

Sofia destaca ainda que o aeroporto também foi notificado pelo Cindacta 4, a limitar as áreas de construção para o bom funcionamento dos pousos e decolagens dos voos. Ela afirma que para a realização do plano, a administração mapeou 30 árvores, além de antenas, que devem ser removidas ou adequadas o quanto antes.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.