Amazonas Destaques Economia

AFEAM inicia campanha contra a inadimplência e recuperação do crédito rural

Evandor Geber, presidente da Afeam, explica a campanha/Foto: Nathalie Brasil
Redação
Escrito por Redação
Evandor Geber, presidente da Afeam, explica a campanha/Foto: Nathalie Brasil

        Evandor Geber, presidente da Afeam, explica a campanha/Foto: Nathalie Brasil

A Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) inicia por Iranduba, na Região Metropolitana de Manaus, a campanha “Afeam em Dia”, cujo objetivo é combater a inadimplência entre produtores do interior, a partir doa dia 13 de setembro indo até o 30 de dezembro deste ano, para todos os municípios, mas, entrando em funcionamento como piloto, a partir de amanhã, quarta-feira (24), em Iranduba.
O município foi escolhido por ter a mais alta taxa de inadimplência com a Afeam. De acordo com o diretor-presidente da agência, Evandor Geber Filho, 90% do volume total de recursos financiados em Iraduba nos últimos 16 anos estão com inadimplência.  “É um percentual muito grande e o que a gente quer com a campanha é mostrar para o cliente que ele tem a oportunidade de limpar o nome e retomar o crédito para a sua atividade econômica”, observa, ao lembrar que a maior parte da inadimplência é no setor primário.

Evandor explica que o financiamento concedido pela Afeam no interior via Fundo de Apoio às Pequenas e Micro Empresas e ao Desenvolvimento Social (FMPES) é com taxas de juros subsidiadas que variam de 3% a 8,5% ao ano, recurso que precisa retornar para a agência para continuar fomentando a atividade econômica no Estado.

“Sabemos que na maioria das vezes, o produtor deixa de pagar, não é por má fé, mas, por algum fator que fez com que ele perdesse a produção, como o climatológico, a seca ou a cheia. É gente que está ha muito tempo inadimplente e, por isso, não pode tomar empréstimo novamente. Estamos dando essa oportunidade de limpar o nome, vir na Afeam regularizar a situação para, a partir do ano que vem, a gente poder retomar o financiamento”, explica o diretor.

Ele observa que quando a pessoa está negativada não consegue financiamento com nenhuma outra instituição financeira, que também travam as linhas de crédito para o município com alto índice de inadimplência.

Condições vantajosas – O órgão garante condições vantajosas para quem pretende regularizar seus débitos, porém ressalta que cada caso será analisado individualmente. Por isso está orientando o produtor a procurar o escritório do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário do Amazonas (Idam) no seu município. Informações também podem ser obtidas pelo 0800 286 3066 (ligações gratuitas).

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.