Amazonas Esportes

Aldo está fora do UFC 189. McGregor disputa cinturão interino contra Mendes

José Aldo fora do UFC 189/Foto: Arquivo
José Aldo fora do UFC 189/Foto: Arquivo
Redação
Escrito por Redação

Acabou a novela. Uma semana depois de o campeão dos penas ter sofrido uma lesão na costela, Dana White confirmou que José Aldo não vai enfrentar Conor McGregor no UFC 189 no próximo dia 11, em Las Vegas, valendo o cinturão da categoria. A informação foi dada pelo presidente da franquia em entrevista ao canal norte-americano ESPN.
Dessa forma, o irlandês fará uma disputa de cinturão interino contra o norte-americano Chad Mendes. Esse já era o plano B do Ultimate desde a última semana, quando o brasileiro sofreu a contusão.

Resultado parcial

“André Pederneiras, seu técnico, me ligou e basicamente disse que a costela ainda estava doendo muito e ele não faria a luta. Então Chad Mendes agora vai enfrentar Conor McGregor pelo cinturão interino. José Aldo já teve de sair de cinco lutas pelo cinturão, Conor está pronto para seguir em frente. O número 1 da categoria, Chad Mendes, também está pronto. Então isso faz sentido. Assim que Aldo estiver pronto, faremos a unificação dos cinturões. Essa foi a sua decisão. Não me sinto bem com isso, nós gastamos muito dinheiro promovendo esse combate, muita gente estava empolgada com essa luta, então isso é definitivamente desapontador”, disse Dana White.

Aldo levou um chute de um colega de treino no local e o primeiro prognóstico foi de uma fratura, que dificilmente o deixaria lutar. Mas um novo laudo foi feito por médicos americanos, que detectaram uma lesão menor. Com isso, Aldo ficou em tratamento intensivo nos últimos dias, mas nesta terça-feira foi constatado que ele não teria condições de ir para a luta na próxima semana por conta das dores que estava sentindo.

No dia que a contusão foi confirmada, o UFC veio a público com esta possibilidade deste cinturão interino, que acabou sendo confirmada. Mas até o último momento, Dana White estava confiante que a luta acontecesse. No evento de lançamento dos uniformes da Reebook neste terça, o presidente disse que acreditava que o confronto rolaria no dia 11.

O UFC e José Aldo podem começar a contabilizar o prejuízo, como o próprio Dana White disse lá em cima, foi investido muito dinheiro para a promoção deste combate. Mais que isso, essa foi a luta em que o Ultimate mais gastou dinheiro. Tivemos tour mundial, superprodução para as propagandas de TV, ingressos vendidos com muita antecedência…

O campeão linear também tem muito a lamentar. Como publicamos em um post aqui mais cedo, com essa ausência no UFC 189 no dia 11 de julho, deixará de ganhar ao menos R$ 11 milhões, entre bolsa, verba de patrocinadores e percentual de venda de pay-per-view na América do Norte. É, tranquilamente, mais dinheiro do que ele já ganhou em toda sua carreira.(UOL)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.