Amapá Amazônia

AP: funcionário da CEA é eletrocutado durante manutenção em rede elétrica

funcionario-eletrocutado
Redação
Escrito por Redação

É grave o estado de saúde do técnico em eletricidade Gilberto Constâncio Pereira, que na tarde de segunda-feira, 14, recebeu uma descarga de 13 mil volts enquanto se preparava para fazer a manutenção corretiva de uma linha de transmissão no bairro Zerão, zona sul de Macapá.

Segundo os colegas de trabalho da vítima, a equipe havia ido até a avenida Dom José Maritano verificar a rede que apresentava oscilações. Foi solicitado à central da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) que fizesse o desligamento do alimentador, fato este que teria sido confirmado.

Porém, ao subir no poste e tocar a rede de alta tensão o técnico acabou recebendo a descarga. Ele foi socorrido inicialmente por um funcionário da empresa e o sargento do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM) S. Costa, que mesmo também podendo ser eletrocutado se arriscou para ajudar no resgate da vítima. Em seguida, homens do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) desceram o trabalhador já desacordado.

A equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) conseguiu reanimar o paciente que foi levado às pressas para o Hospital de Emergências de Macapá (HEM). Policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRE) seguiram à frente liberando o trânsito para que a ambulância chegasse mais rápido ao hospital.

Gilberto recebeu o atendimento especializado, foi entubado e respira com a ajuda de aparelhos. Ele sofreu queimaduras e existe a preocupação de que órgãos internos tenham sido atingidos pela descarga que atravessou o corpo da vítima. Ele está internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Em nota a CEA disse que vai apurar as causas do acidente com o funcionário da empresa terceirizada que presta serviço para a companhia. Já é o segundo acidente envolvendo trabalhadores da mesma empresa. Em agosto passado um técnico em eletricidade da Mix Engenharia morreu eletrocutado durante uma manutenção corretiva em uma linha de transmissão na Rodovia Duca Serra.

(Diário do Amapá)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.