Entretenimento

Ator do Porta dos Fundos fala sobre boicote ao canal

Redação
Escrito por Redação

A última grande polêmica na internet envolve um dos principais canais do YouTube no Brasil, o Porta dos Fundos, que conta com mais de 11 milhões de inscritos. Tudo partiu de um vídeo intitulado “delação”, publicado pelo grupo no sábado (2), que foi alvo de crítica de uma parcela de internautas.

O roteiro mostra um agente da Polícia Federal (Gregório Duvivier) fazendo a delação de um político corrupto (Fábio Porchat). O tal corrupto oferece uma série de denúncias com provas contra colegas do PSDB – mas nada anima o policial, interessado em pegar apenas integrante do PT.

Um dos criadores do Porta dos Fundos, Antonio Tabet – artista que critica abertamente o governo – se pronunciou hoje em seu perfil do Facebook. “Quem me conhece sabe qual é a minha posição em relação ao atual governo e corruptos em geral. Minha posição, aliás, é compartilhada pela maioria dos meus colegas. Acho que a Polícia Federal faz um trabalho bastante competente, sou ‪#‎TeamMoro‬ e, nem por isso, acho que Cunha, Temer, Feliciano e outros políticos são menos piores que os que hoje gostaria de ver derrubados.”

Entre ouras coisas, Tabet lembra que o mesmo Porta dos Fundos fez recentemente um vídeo chamado “Reunião de Emergência” – que satiriza o momento político e corrupção dos agentes do governo federal.

(NOTÍCIAS AO MINUTO)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.