Amazonas Política

Autor da Lei que criou a UnaTI, Josué Neto comemora inauguração da sede da instituição

Deputado Josué Neto(PSD)/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

No ano de 2007, o recém-eleito deputado Josué Neto (PSD) apresentou um projeto de lei prevendo a criação da Universidade Aberta da Terceira Idade – UnATI e, na última sexta-feira (31), na condição de presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, comemorou a inauguração da primeira sede efetiva da nova instituição, ao lado do governador José Melo (PROS). Situado à Avenida Brasil, no bairro de Santo Antônio, Zona Oeste de Manaus, o novo prédio ocupa uma área de 400 metros quadrados e instalações adaptadas para os idosos.
De acordo com o projeto apresentado por Josué Neto, seria criada uma Universidade Aberta, no âmbito da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), voltada para oferecer cursos e oficinas para idosos. A UnATI começou a funcionar em novembro de 2007 e, atualmente, atende cerca de 2.500 pessoas.

Como autor da Lei que criou a UnATI, Josué Neto destacou seu compromisso, como parlamentar, de criar leis, propor e reivindicar alternativas que promovam a melhoria na qualidade de vida da população.

O parlamentar, que defende a educação como ferramenta de mudança social, acredita que a experiência da terceira idade aliada aos novos conhecimentos promovidos nas oficinas, renova a energia de viver.

As novas instalações da unidade comportam oito salas de aula, salas de música e dança, ambulatórios, laboratórios de informática e de pesquisas, além de auditório com capacidade para cem pessoas. A instituição iniciou as atividades há oito anos e funcionava no terceiro andar das instalações da ESA – Escola Superior de Ciência da Saúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), localizada no bairro da Cachoeirinha, zona Sul de Manaus.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.