Amazonas Economia

Banco do Povo financiou 18 mil micro e pequenos empresários em um ano

Atendimento do Banco do Povo/Foto: Michael Dantas
Atendimento do Banco do Povo/Foto: Michael Dantas
Redação
Escrito por Redação

Ao completar um ano de atividade no Amazonas, o Programa Banco do Povo contabilizando R$ 84 milhões em financiamentos, para 18 mil micro e pequenos empreendedores, investimentos que representaram a geração e/ou manutenção de 53 mil postos de trabalho, em todo o Estado.
O Banco do Povo é o programa de microcrédito produtivo executado pela Agência de Fomento do Estado do Amazonas S.A. (Afeam), com o objetivo de promover geração de trabalho e renda por intermédio da concessão de financiamentos para o desenvolvimento de pequenos empreendimentos.

Presente na capital por meio do balcão de atendimento na sede da Afeam (avenida Constantino Nery, nº 5.733, Flores, zona centro-oeste)e nos 61 municípios do interior com as ações itinerantes de crédito, o Banco do Povo também conta com cinco unidades de atendimento instaladas nos municípios de Manicoré, Manacapuru, Itacoatiara, Tefé e Eirunepé.

Acesso ao crédito – Os financiamentos oferecem condições facilitadas de acesso ao crédito, com juros de 3% ao ano para operações que vão de R$ 500 até R$ 15 mil, valores a serem estabelecidos após análise da necessidade de investimento do negócio, seja capita de giro ou compra de equipamentos.

Inaugurações – Neste ano, apesar da crise econômica pela qual passa o País, o programa está mantendo o ritmo da liberação de crédito a micro e pequenos empreendedores do Estado. Segundo o presidente da Afeam, Evandor Geber Filho, neste ano, a Agência ampliará o alcance do Banco do Povo, por meio da inauguração de mais três postos de atendimento no interior do Estado previstos até o final do ano.

“É notório o sucesso do programa Banco do Povo. Os números mostram que estamos mantendo o ritmo de investimentos, mesmo com a crise econômica que afeta o Brasil, auxiliando a alavancar o empreendedorismo local”, destaca Evandor Geber Filho.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.