Amazonas Economia

Brasil perdeu 1,51 milhão de empregos em 2015, sendo pior resultado desde 1985

Pior queda de empregos desde /Foto: USP Photo
Redação
Escrito por Redação
Pior queda de empregos desde /Foto: USP Photo

                                    Pior queda de empregos desde 1985 /Foto: USP Photo

Em 2015, o Brasil perdeu 1,51 milhão de empregos com carteira assinada. Foi o pior resultado desde 1985, quando começou a série histórica, segundo os dados divulgados pelo Ministério do Trabalho. Essa também é a primeira vez que o país teve corte de vagas de trabalho desde 1992, quando foram perdidas 738 mil vagas.
Com os cortes, o Brasil terminou 2015 com um total de 48,061 milhões de empregos com carteira assinada, número menor do que no final de 2014 e de 2013.

Os dados foram divulgados hoje, sexta-feira (16), pelo ministério e fazem parte da Rais (Relação Anual de Informações Sociais), um registro declarado anualmente por todas as empresas do país.

Em 2014, tinham sido criadas 623.077 vagas com carteira. Apesar do saldo positivo, o número já mostrava os efeitos da crise no mercado de trabalho, tendo sido, naquela época, o pior resultado desde 1999.

O ministério também divulga regularmente dados de emprego do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). A Rais, porém, é mais ampla, levando em conta mais categorias de trabalho, inclusive servidores públicos, enquanto o Caged calcula apenas o número de trabalhadores de empresas privadas.

O Caged com números de 2015 foi divulgado no início deste ano e mostrou que o Brasil perdeu 1,5 milhão de vagas de trabalho no ano passado, o pior resultado desde o início da série, em 1992.(UOL)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.