Entretenimento

Cabeça do diretor de “Nosferatu” é roubada de seu túmulo, na Alemanha

Vampiros-cabeca-tumulo
Redação
Escrito por Redação

Parte da imprensa alemã noticiou nesta terça-feira (14) que a cabeça do diretor de “Nosferatu”, F.W. Murnau, foi roubada do túmulo de sua família, em um cemitério da cidade de Stahnsdorf, na Alemanha. O cineasta, cujo filme mudo é considerado o primeiro longa de vampiros do cinema, morreu em 1931.Em uma história que parece ter saído de um dos filmes do diretor, ladrões abriram um caixão de metal para ter acesso ao corpo embalsamado de Murnau, segundo foi publicado pelo site da revista “Variety”. Os caixões de seus dois irmãos, que ficam ao lado, não foram violados.

 
O site do jornal “Spiegel” reportou que resíduos de cera foram encontrados próximos ao túmulo, o que apontaria para alguma conexão com “ocultismo”.

Lançado em 1922, “Nosferatu” é uma adaptação não-autorizada do romance “Drácula”, de Bran Stoker. Murnau trabalhou em Hollywood por muitos anos.

Lá, dirigiu “Aurora” (1927), que ganhou três estatuetas na primeira edição do Oscar. Ele morreu em um acidente de carro próximo a Santa Barbara, nos EUA, mas foi enterrado na Alemanha.

(UOL)

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.