Amazonas Formal & Informal

Cabo Maciel é denunciado na PF por Irregularidades previdenciárias

A entrega do documento à PF/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Na tarde dae ontem, quinta-feira (03), por volta das 15h30, o presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia e Bombeiros Militar do Amazonas (ACS), cabo Igo Silva, protocolou na Superintendência da Polícia Federal no Amazonas, um requerimento pedindo abertura de Inquérito Policial – Notícia Crime contra o deputado estadual Alcimar Maciel Pereira, o “Cabo Maciel” (PR).

A atual gestão da instituição localizou diversos compromissos tributários em aberto como: IPTU, FGTS, alvará de funcionamento e débitos fazendários. Além disso, foram encontrados várias dívidas previdenciárias entre os anos de 2009 a 2015.

Segundo o diretor financeiro da ACS, soldado Adriano Souza, os números não batem com o que foi divulgado em relatório anual. “No balanço apresentado houve o pagamento no valor de R$ 48.808,95 do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) em 2014, porém este montante não foi repassado ao órgão. Ou seja, somente descontaram de funcionários o dinheiro”, ressaltou.

Igo informou que esse tipo de atitude por parte de qualquer empresa pode acarretar em danos aos colaboradores. “Isso é inadmissível! Esses crimes previdenciários podem resultar em sérios problemas aos que trabalham associação, pois os funcionários podem ter dificuldades posteriores com a aposentadoria”, disse.

Agora o requerimento aguarda decisão do superintendente da PF/AM, Marcelo Sálvio Rezende Vieira, que deve dar o direcionamento à solicitação da ACS.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.