Amazonas Política

Câmara discute em Manaus os efeitos da crise econômica sobre PIM

Deputada Conceição Sampaio(PP/Am), autora da proposta/Foto: AC
Redação
Escrito por Redação

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados realiza amanhã, sexta-feira (09), na capital amazonense,  o seminário “Efeitos da crise econômica brasileira no Polo Industrial de Manaus”, por iniciativa da deputada Conceição Sampaio (PP/AM), que pretende avaliar, dentre outras questões, a perda de postos de trabalho e o fechamento de linhas de produção de empresas ali situadas.
A crise que afeta a economia brasileira pode estar provocando a desaceleração de alguns segmentos industriais da Zona Franca. A deputada Conceição Sampaio lembra que, no primeiro semestre de 2015, houve aumento de 13,9% nas demissões do Polo Industrial de Manaus, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

O impacto da crise afetou, principalmente, a indústria de duas rodas, que engloba fabricantes e empresas produtoras de componentes para motocicletas. Em junho, seis indústrias desse setor promoveram férias coletivas para seus funcionários por falta de demanda, informa a parlamentar.

Além da crise econômica, outras causas possíveis para o problema estarão sendo discutidas no Seminário, como o fechamento de linhas de produção de empresas e o remanejamento da produção para outros estados.

De acordo com a parlamentar, a diminuição de postos de trabalho preocupa os governos estadual e municipal, pois uma eventual arrecadação menor de tributos tem reflexos negativos sobre a economia de todo o Amazonas.

Para o seminário foram convidados: o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro; o ministro de Minas e Energia;  o governador do Amazonas, José Melo; o prefeito de Manaus; o presidente da Federação da Indústria do Amazonas, Antônio Carlos Silva; o presidente do Centro da Indústria do Amazonas, Wilson Périco; e o superintendente da Suframa, Gustavo Igreja.

Deputado Pedro

                                                      Deputado Júlio Cesar/Foto: AC

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.