Brasil

Capitais brasileiras fazem manifestação contra Eduardo Cunha

manifestação-contra-Eduardo-Cunha
Redação
Escrito por Redação

O domingo deve ter sido sinônimo de dor de cabeça para o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Capitais brasileiras, como São Paulo e Belo Horizonte, registraram em manifestações protestos pedindo a sua saída do cargo e questionando, também, o ajuste fiscal proposto.

Em Brasília, a situação se repetiu em frente ao Congresso Nacional. Cerca de 200 pessoas foram da rodoviária da capital brasileira ao gramado do Congresso para protestar e gritar palavras de ordem contra o peemedebista. E não ficou somente nisso.

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) confeccionaram um enorme boneco de Eduardo Cunha e levaram consigo para o gramado. Em um determinado momento, no auge do protesto, resolveram queimar a réplica do político, para a comemoração dos demais presentes.

Diferentemente do que ocorreu no protesto do dia 28 de outubro, quando integrantes do MTST brigaram com membros do Movimento Brasil Livre (MBL), quando o protesto era sobre o tema do crime de terrorismo, neste domingo as coisas estiveram calmas e sem maiores problemas.

Enquanto se vê no centro de protestos pelo país, Cunha segue como alvo da Comissão de Ética da Câmara em decorrência de quebra de decoro parlamentar. O peemedebista é acusado de desvio de conduta durante a CPI da Petrobras, quando alegou desconhecer contas secretas em seu nome na Suíça, que mais tarde vieram a se confirmar.

(blastingnews)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.