Amazonas Esportes

CBF demite Dunga e diz que anuncia hoje o novo técnico

...é Dunga, mais uma vez não deu/Foto: Reprodução
...é Dunga, mais uma vez não deu/Foto: Reprodução
Redação
Escrito por Redação

O técnico Dunga, o coordenador Gilmar Rinaldi, e toda a comissão técnica da seleção brasileira foram demitidos, no início da tarde de hoje, terça-feira (14), pela direção da CBF, conforme nota publicada no site da entidade. O afastamento do grupo teria sido tomado por comum acordo, segundo o comunicado.  A entidade deve definir o substituto de Dunga ainda hoje.
Tite é o favorito para ocupar o cargo. Dunga dirigiu a seleção por 26 partidas nesta sua segunda passagem pela equipe, com 18 vitórias, 5 empates e 3 derrotas. Ele já havia dirigido o time entre 2006 a 2010.

Em julho de 2014, semanas depois da Copa do Mundo, a CBF pretendeu dar início a uma reestruturação na seleção brasileira e trouxe de volta o técnico Dunga, com o qual a equipe já havia fracassado no Mundial de 2010. Logo em sua primeira entrevista, ele reconheceu que o Brasil já não despontava como o melhor futebol do planeta e disse que a confiança do torcedor só seria reconquistada com bons resultados.

Quase dois anos depois, ele seria vítima do próprio discurso. Foi demitido por causa dos resultados do time – atual sexto colocado nas eliminatórias do Mundial de 2018, eliminado nas quartas de final da Copa América de 2015, e agora alijado de nova edição do torneio continental, sem qualificação para superar Peru e Equador em seu grupo.

Dunga ressaltou naquela entrevista de julho de 2014 a necessidade de se combinar organização com planejamento para a seleção obter sucesso. Citou várias vezes a Alemanha. E disse que Alexandre Gallo seria o grande comandante do time olímpico. Meses depois, Gallo foi demitido.

Veja a nota oficial da CBF na íntegra:

“A Confederação Brasileira de Futebol comunica que decidiu, nesta terça-feira, dissolver a comissão técnica da Seleção Brasileira. Deixam os cargos o coordenador de Seleções, Gilmar Rinaldi, o técnico Dunga e toda a sua equipe.

A decisão foi tomada em comum acordo durante reunião nesta tarde e, a partir de agora, a CBF inicia o processo de escolha da nova comissão técnica da Seleção Brasileira.

A CBF agradece a dedicação, a seriedade e o empenho da equipe durante a realização do trabalho.”(Terra)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.