Mundo

Cerca de 59 mil pessoas estão sem luz na Argentina por onda de calor

Argentinos enfrentam onda de calor, sem energia/Foto: EFE
Redação
Escrito por Redação

O número de pessoas sem provisão elétrica na capital da Argentina, e seus arredores, subiu ontem à noite, para 59.000, após um excesso de demanda ocasionado pelas altas temperaturas, informaram fontes oficiais.
Segundo os relatórios do Ente Nacional Regulador da Eletricidade (Enre), o número de pessoas que permanecem sem provisão elétrica em Buenos Aires e seu cinturão metropolitano, nas áreas de concessão das empresas Edenor e Edesur, passou hoje de cerca de 30.000 para 59.142.

Este é o quinto ano no qual há cortes de luz devido ao aumento do consumo elétrico pelas altas temperaturas. Durante o verão passado, em muitos bairros portenhos, os blecautes chegaram a durar mais de uma semana.

Na segunda-feira o consumo elétrico beirou os 24.034 megawatts, número recorde registrado em janeiro de 2014.

Na capital é esperada para hoje uma temperatura máxima em torno de 34 graus e chuvas e tempestades nas últimas horas do dia que podem melhorar a situação, segundo informou o Serviço Meteorológico Nacional.(Terra/EFE)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.