Amazonas Política

CMM presta Moção de Pesar aos familiares do prefeito de Maraã

Presidente Wilker Barreto(CMM)/Foto: TiagoCorrea
Redação
Escrito por Redação

Na Sessão de hoje, segunda-feira (29), a Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou, Moção de Pesar nº 046/2016, de autoria do presidente da Casa, vereador Wilker Barreto (PHS), em solidariedade à família do prefeito de Maraã, município a 615 quilômetros de Manaus, Cícero Lopes (PROS), assassinado, ontem (28), com um tiro nas costas, em frente à residência onde morava.
“Ontem, de forma trágica, bruta e covarde foi ceifada a vida de Cícero Lopes, prefeito de Maraã, assassinado pelas costas, numa tocaia. Isso não justifica, situações como essas eram para ter ficado no passado, mas acontecem no presente. Faço um apelo ao secretário de Segurança, Sérgio Fontes, para que possamos elucidar esse crime. É importante o Poder Público dar uma resposta rápida ao punir os culpados, levando-os à Justiça. Se esse crime não for solucionado, é um duro golpe contra a democracia no Estado do Amazonas, porque não podemos voltar ao tempo do coronelismo, onde as desavenças eram resolvidas na bala”, lamentou Wilker Barreto, ao usar a tribuna da Casa.

Troca de legenda

Barreto também destacou, em seu pronunciamento, a troca de legenda feita pelo vereador Joelson Silva, que deixou o PHS para se filiar ao PSC. “O PHS perde um companheiro valoroso, mas a política manauara ganha um reforço importante à frente do PSC, que é o colega, vereador Joelson Silva, que assumirá o comando municipal do partido. Toda sorte e sucesso na condução dessa importante legenda no município de Manaus”, ressaltou Barreto, que é o presidente do diretório estadual PHS.

Rádio Câmara

O presidente salientou, ainda, que está indo a Brasília nesta terça-feira (1º), para tratar na Câmara Federal sobre os últimos acertos da concessão de uma rádio FM para a Câmara Municipal de Manaus. “Amanhã, ao final da tarde, eu e a vereadora Socorro Sampaio (PP) estamos indo a Brasília, para tratarmos no Congresso – que arcará com 90% das despesas – de uma rádio FM para a Câmara Municipal de Manaus. O que isso vai representar? Que pela parte da manhã os nossos pronunciamentos, as principais discussões dessa importante Casa Legislativa irão ser transmitidas ao vivo e, à tarde, teremos a programação da Câmara”, afirmou o Chefe do Poder Legislativo.

De acordo com o parlamentar, a agenda extensiva começa na quarta-feira (2), com o Ministro das Comunicações, André Figueiredo, em relação ao calendário de instalação.  “Fiquei muito contente, que o secretário da Câmara,  deputado federal Cleber Verde (PRB-MA), já garantiu a possibilidade de, ainda, este semestre a rádio Câmara ser implementada na Câmara Municipal de Manaus, isso é uma conquista dos 41 vereadores. Faço aqui de público e agradeço todo empenho da deputada Conceição Sampaio, que está sendo peça fundamental. Vereadora Socorro Sampaio, sei de vossa alegria em relação a esse tema, porque desta forma que esta legislatura contribui para as futuras legislaturas, deixando cada vez mais uma Casa mais estruturada para desenvolver os trabalhos desse importante Parlamento”, destacou.

Meia entrada

Wilker concluiu seu pronunciamento, assegurando aos professores que encaminhará, ainda, esta semana, um ofício à Prefeitura de Manaus, para que a mesma redistribua as carteirinhas que garantem a meia entrada ao professores. “Estou fazendo um ofício em relação a lei que nós criamos aqui, em que os professores pedem que a carteirinha da meia entrada seja novamente redistribuída pela prefeitura. Lei de minha autoria de 2009, que dá aos professores direito à meia entrada em eventos culturais, esportivos e circenses, porque fomos informados que vários estabelecimentos estão se negando a receber e conceder o benefício aos educadores”, finalizou.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.