Esportes

Colombianos e Neymar prometem ‘guerra de nervos’ em Manaus

Neymar e a Colômbia criaram uma espécie de rivalidade nos últimos anos/Foto: Divulgação
Neymar e a Colômbia criaram uma espécie de rivalidade nos últimos anos/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação
Neymar e a Colômbia criaram uma espécie de rivalidade nos últimos anos/Foto: Divulgação

Neymar e a Colômbia criaram uma espécie de rivalidade nos últimos anos/Foto: Divulgação

A seleção da Colômbia vem sendo uma das principais pedras no sapato de Neymar nos últimos anos.
Tudo começou nas quartas de final da Copa de 2014, quando o jogador levou uma joelhada de Zuñiga e, com uma vértebra fraturada, ficou fora da semifinal.

No ano seguinte, o craque foi muito mal em novo confronto, válido pela Copa América, do qual o Brasil saiu derrotado por 1 a 0. Além de não jogar bem, Neymar chutou uma bola em Armero, deu uma cabeçada no zagueiro Murillo e, expulso, trocou empurrões com outros atletas.
Na Olimpíada, finalmente a boa notícia: o atacante foi protagonista em partida na Arena Corinthians, fez gol, procurou jogo, mas escapou de ser expulso por conta de ao menos uma agressão não vista pela arbitragem.

Para o jogo de logo mais, em Manaus, válido pelas Eliminatórias da Copa da Rússia, a expectativa é de muita provocação sobre o jogador. Pensando nisso, Tite criou um esquema para tirar a pressão das costas do jogador e deixar para Miranda, Renato Augusto e Paulinho a responsabilidade de conversar com o juiz e eventualmente peitar os adversários.

(NOTÍCIAS AO MINUTO)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.