Amazonas Esportes

Com dois gols de Vargas, Chile bate Peru e é o primeiro finalista da Copa América

Vargas(11), faz os gols do Chile/Foto: Getty Images
Redação
Escrito por Redação

Chile está cada vez mais próximo do inédito título da Copa América. Hoje, segunda-feira, os donos da casa deram mais um importante passo ao superar o Peru por 2 a 1. O confronto, porém, não teve a facilidade imaginada pelos torcedores, que mais uma vez lotaram o Estádio Nacional, em Santiago.
Agora, o Chile espera o vencedor de Argentina e Paraguai para saber contra quem fará a decisão da Copa América. A final será realizada no mesmo estádio desta segunda, o Nacional de Santiago, no próximo sábado, às 17h (de Brasília). Já a disputa de terceiro lugar acontece na sexta, às 20h30, na cidade de Concepción.

Graças ao zagueiro peruano Zambrano, a etapa inicial pode ser claramente dividida em dois momentos. O primeiro, na primeira metade, quando o Peru, surpreendentemente, começou melhor, atacando e assustando os rivais. E o segundo quando o Chile tomou conta da partida e pressionou até abrir o placar. E o que tem a ver o defensor? Tudo. Após receber um cartão amarelo com apenas 6min, ele conseguiu ser expulso por uma entrada violenta em Aránguiz, deixando as travas da chuteira nas costas do atleta do Internacional .

Com um homem a menos, Ricardo Gareca teve que mudar o esquema tático do Peru, tirou um meia e colocou mais um zagueiro, perdendo, assim, um pouco da força ofensiva. Guerrero era um dos melhores em campo, responsável por criar os lances perigosos. Um deles, inclusive, explodiu na trave após cabeçada de Farfán.

Depois da expulsão, o Chile sobrou em campo. Com ótimo jogo coletivo, os donos da casa foram “martelando” os peruanos até balançarem as redes. Vidal virou o jogo para Sánchez, que bateu de fora da área. Aránguiz tentou desviar no meio do caminho, mas não conseguiu, e viu a bola acertar a trave. No rebote, Vargas, em posição irregular, completou para aliviar os torcedores.

Mesmo atrás no placar, e com um jogador a menos, o Peru não se intimidou e voltou do intervalo com uma postura ofensiva. Aproveitando as brechas deixadas no setor defensivo, os peruanos foram ganhando confiança e logo empataram. Guerrero aproveitou um vacilo de Sánchez e fez bom lançamento para Advíncula chegar no fundo e cruzar. O zagueiro Medel tentou afastar o perigo, mas mandou contra a própria meta. Antes, porém, o auxiliar anulou um legítimo gol do Chile, marcado por Vargas, que daria mais tranquilidade na partida.

A euforia dos visitantes, no entanto, não durou muito. Dois minutos depois, foi a vez de Guerrero errar. Após desarme de Valdivia, a bola ficou nos pés de Vargas, que arriscou de muito longe, surpreendendo o goleiro Gallese. Um golaço! Atrás no placar novamente, o Peru não se entregou e mostrou valentia ao tentar empatar a partida, mas não conseguiu superar Bravo e acabou eliminado da Copa América.

FICHA TÉCNICA
CHILE 2 X 1 PERU

Local: Estádio Nacional, em Santiago, no Chile
Data: 29 de junho de 2015, segunda-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Jorge Argote, do Paraguai
Assistentes: Jorge Urrego e Bryon Romero
Cartões amarelos: Zambrano (Peru)
Cartões vermelhos: Zambrano (Peru)
Gols: Eduardo Vargas (Chile), aos 40 minutos do PT // Medel (Chile, contra para o Peru), aos 15 minutos do ST e Vargas (Chile), aos 18 minutos do ST

CHILE: Bravo; Isla, Rojas, Medel, Albornóz (Mena); Marcelo Díaz (Pizzaro), Aránguiz, Vidal e Valdivia (Gutiérrez); Vargas e Sánchez
Técnico: Jorge Sampaoli

PERU: Gallese; Advíncula, Zambrano, Ascues e Juan Vargas; Ballón, Cueva (Ramos), Lobatón (Yotún), Carrillo (Pizarro); Farfán e Guerrero
Técnico: Ricardo Gareca

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.