Esportes Mundo

Com passes de Neymar, Messi faz dois e Barça derrota o Arsenal, na Champion

O abraço de Messi em Neymar/Foto: Getty Images
Redação
Escrito por Redação

Entre o tabu diante de Cech e a facilidade contra o Arsenal, a freguesia falou mais alto. Messi enfim superou o goleiro tcheco, marcou duas vezes e colocou o Barcelona muito perto das quartas de final da Liga dos Campeões depois da vitória por 2 a 0, de hoje, terça-feira, em Londres. Um contra-ataque manual com participação de todo o trio MSN e uma cobrança de pênalti que caiu dos céus deram a vantagem aos catalães na caminhada para defender o título conquistado em Berlim em maio do ano passado.

Fim de escrita

Até balançar as redes aos 26 minutos do segundo tempo, Messi nunca havia marcado um gol contra a muralha tcheca. Foram dez horas e 11 minutos – divididos por sete jogos, todos os anteriores quando Cech ainda defendia o Chelsea. O Arsenal, porém, significa abundância para o melhor do mundo: são agora oito gols em cinco partidas – os Gunners são as maiores vítimas do argentino na Europa ao lado do Milan.

…é pênalti!

O Arsenal dava a impressão de jogar em seu limite, mas a diferença técnica para o Barcelona era notória – Sánchez, talvez o melhor dos ingleses, não estava em grande noite. Ela ficou ainda mais evidente quando Wenger pôs Flamini em campo. O volante francês entrou aos 37 minutos do segundo tempo e, em seu primeiro ato, cometeu pênalti bisonho em Messi. O argentino, que nada tem a ver com isso, consagrou-se ainda mais.

Neymar, o garçom

Neymar não foi o melhor em campo, mas contribuiu diretamente para a vantagem dos visitantes. No lance do primeiro gol, ele iniciou o contra-ataque, disparou e deixou Messi na boa para marcar. O brasileiro ainda teve a oportunidade de anotar um terceiro gol para o Barcelona, nos acréscimos, mas sua cabeçada parou em Cech.
volta em três semanas

O Barcelona deverá carimbar sua vaga nas quartas de final apenas no dia 16 de março, data do jogo de volta, no Camp Nou. Os catalães não terão Piqué, suspenso pelo acúmulo de cartões depois de dar um carrinho em Welbeck, mas contam com uma senhora vantagem: podem perder por um gol de diferença que ainda assim estarão classificados.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.