Amazonas Esportes

Copa América: Com três gols Guerrero põe o Peru nas semifinais contra o Chile

Guerrero faz três contra a Bolívia/Foto": AFP
Guerrero faz três contra a Bolívia/Foto": AFP
Redação
Escrito por Redação

A estrela de Paolo Guerrero brilhou. Depois de uma fase sem marcar, o artilheiro da última Copa América marcou três vezes e garantiu a Seleção Peruana nas semifinais do torneio, com vitória por 3 a 1 sobre a Bolívia, em jogo que acabou agora, há pouco.
Agora, a missão peruana será um pouco mais difícil. Na semifinal, o adversário será o Chile que passou pelo Uruguai na última quarta-feira.

Os peruanos seguem em busca do terceiro título da Copa América, o último aconteceu em 1975. Se seguir para a decisão, a seleção de Ricardo Gareca já terá alcançado uma campanha melhor que da última edição, quando caiu na semifinal para o Uruguai.

De quebra ainda tem um Guerrero empolgado como artilheiro da competição desta temporada. Ele está ao lado de Vidal com três gols. Na edição de 2011, quando também saiu como goleador, o atacante também fez três gols em uma única partida, mas contra a Venezuela.

Fases do jogo: Poucos minutos foram necessários para o desenho do jogo ficar nítido. Pressão e velocidade eram as armas peruanas para acabar com a Bolívia. Outra aliada era a bola aérea e foi assim que a estrela de Guerrero brilhou pela primeira vez. Na sequência, foi uma jogada veloz que resultou no segundo gol do jogo, após um capote do goleiro boliviano.

A vantagem desanimou de vez os bolivianos. Guerrero conseguia finalizar quase todas as bolas que recebi, não atoa chutou seis vezes para a meta rival só no primeiro tempo. Ainda na etapa inicial, os peruanos carimbaram duas vezes a trave rival.

O ritmo não mudou na etapa final, mas agora os peruanos encontravam mais espaço para contra-atacar. Guerrero apareceu mais uma vez e fez o terceiro praticamente definir o duelo. A Bolívia até diminuiu com Marcelo Moreno, mas a classificação estava resolvida.

Melhor: Guerrero – Ele entrou em campo pressionado por não ter feito nenhum gol, mas desencantou e em grande estilo. Foram três gols do atacante que garantiram a classificação e o colocaram na artilharia da competição, posto que ocupou em 2011.

Pior: Quinonez – Qualquer esperança boliviana acabou no tropeço do goleiro. Depois de sofrer o primeiro gol, ele ficou indeciso se saía da meta ou não, quando se decidiu, ele caiu no gramado e viu Guerrero ampliar o placar.

Destaques

Presença inédita. Pela primeira vez nesta Copa América, a modelo Alondra Garcia Miró, namorada de Guerrero, esteve no estádio para ver uma partida da seleção peruana.

Contagem regressiva. Guerrero está a dois gols de se tornar o maior artilheiro da história do Peru. Teófilo Cubillas com 26 gols é o atleta com mais gols.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.