Amazonas Destaques Esportes

Corinthians fez sua parte, a torcida também, agora falta o Figueira

Jadson fez o primeiro, do Timão/Foto: Divulgação
Jadson fez o primeiro, do Timão/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O torcedor que quebrou o recorde de público da Arena Corinthians para gritar “é campeão” – ainda que fosse impossível garantir matematicamente o título do Campeonato Brasileiro já neste sábado – quase saiu frustrado de Itaquera. Mas um gol do “talismã” Lucca aos 42 minutos do segundo tempo garantiu a vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba, possibilitando que a conquista da taça seja sacramentada neste domingo, quando o Atlético-MG visita o Figueirense.
Agora, o Corinthians soma 76 pontos, 14 a mais que o vice-líder Atlético. Se os mineiros empatarem ou perderem em Florianópolis neste domingo, a briga pelo título acaba definitivamente nesta rodada. Já o Coritiba, com 34 pontos, segue na zona do rebaixamento.

O gol de pênalti de Jadson logo no início animou os corintianos, mas Negueba, que teve ótima atuação, empatou no segundo tempo. O Coritiba marcou bem e sufocou a criatividade do Corinthians, que teve seus principais jogadores de meio-campo em tarde pouco inspirada. Mas Lucca, que já havia marcado na vitória por 3 a 0 sobre o Atlético-MG, entrou no segundo tempo e fez o gol decisivo no final.

Se o Atlético-MG vencer o Figueirense, a disputa segue viva por mais 12 dias. A próxima rodada do Brasileiro é em 19 de novembro, e os dois postulantes ao título entram em campo ao mesmo tempo: o Corinthians visita o Vasco, enquanto o Atlético pega o São Paulo no Morumbi.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 2 x 1 CORITIBA
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público: 43.688 pagantes
Renda: R$ 2.772.735,50
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa/PA)
Auxiliares: José Javel Silveira (RS) e Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG)

Gols: Jadson, aos 16 minutos do primeiro tempo; Negueba, aos 3 minutos, e Lucca, aos 42 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Kleber, Leandro Silva e Rafael Marques (Coritiba)

CORINTHIANS: Cássio; Edilson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto (Rodriguinho) e Malcom (Lucca); Vagner Love (Danilo). Técnico: Tite

CORITIBA: Wilson; Leandro Silva, Rafael Marques, Juninho e Carlinhos; João Paulo, Alan Santos (Cáceres), Negueba (Lúcio Flávio) e Juan (Thiago Lopes); Kleber e Henrique Almeida. Técnico: Pachequinho
Ampliar

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.