Amazonas Destaques Esportes

Corinthians mantém liderança e Santos tropeça na Ponte

Maicon comemora seu gol pelo Corinthians/Foto: Gazeta Press
Redação
Escrito por Redação

O Corinthians segue líder do Campeonato Brasileiro por mais uma rodada. Hoje, domingo (13), o primeiro colocado fez o que era esperado, foi superior ao vice-lanterna Joinville em sua estreia no horário matinal na Arena Corinthians e venceu por 3 a 0, com gols de Malcom, Uendel e Vagner Love. O resultado deixa o time de Tite com 54 pontos, seis à frente do Atlético-MG – que ainda entra em campo na rodada, mas já não pode mais alcançar os paulistas.
O jogo também teve a polêmica do primeiro gol, marcado por Malcom, que saiu do banco para substituir o lesionado Rildo logo nos primeiros minutos. No lance, Uendel voltou de posição de impedimento para puxar a bola e deixar Malcom em condições de fazer o gol, mas a arbitragem considerou que o lateral corintiano não se aproveitou da situação irregular para participar da jogada.

O Corinthians se manteve no controle durante praticamente toda a partida, com o Joinville assustando muito pouco. No segundo tempo, após ótima jogada de Malcom, Uendel aproveitou rebote para concluir e fazer 2 a 0. No fim, Vagner Love, que havia perdido duas grandes oportunidades na primeira etapa, se redimiu e fechou o placar.

A derrota deixou o time catarinense ainda mais afundado na zona do rebaixamento, com apenas 22 pontos, à frente só do Vasco.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 3 x 0 JOINVILLE
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires (ambos de GO)
Público total: 42.075
Gols: Malcom, aos 38 minutos do 1º tempo; Uendel, aos 13 minutos, e Vagner Love, aos 43 minutos do 2º tempo
Cartão amarelo: Anselmo (Joinville)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson (Danilo), Elias (Cristian), Renato Augusto e Rildo (Malcom); Vagner Love. Técnico: Tite

JOINVILLE: Agenor; Mario Sérgio, Bruno Aguiar, Guti e Diego (Alef); Naldo (Domingues), Anselmo (Danrlei) e Edson Ratinho; Edigar Junio, Willian Popp e Fernando Viana. Técnico: PC Gusmão

Santos tropeça na Ponte

Bady comemora primeiro da Ponte/Foto: Gazeta Press

                                …Bady comemora primeiro da Ponte/Foto: Gazeta Press

Já a Ponte Preta encerrou neste domingo a longa série invicta do Santos no Campeonato Brasileiro. Jogando no Estádio Moisés Lucarelli pela 25ª rodada da competição, a equipe campineira derrotou o time de Dorival Júnior por 3 a 1, com três gols no primeiro tempo para o time campineiro.

A equipe de Dorival Júnior vinha de dez jogos sem derrota no Brasileirão, com oito vitória e dois empates neste período. Com a derrota da manhã deste domingo, a equipe permanece com 37 pontos, mantendo-se ainda na briga pelo G-4 – o time é provisioramente o oitavo.

A Ponte, por sua vez, reage após seis jogos sem vencer – eram três empates e três derrotas na sequência. O time do técnico Dorival soma agora 31 pontos, mantendo-se afastado da zona de rebaixamento.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 3 X 1 SANTOS
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Sousa (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP)
Cartões amarelos: David Braz e Daniel Guedes (Santos); Josimar, Borges, Felipe Azevedo e Renato Chaves (Ponte)
Gols: Bady, aos 10 min do primeiro tempo; Ferron, aos 23 min do primeiro tempo; Borges, aos 44 min do primeiro tempo; Rafael Longuine, aos 48 min do segundo tempo

PONTE PRETA: Marcelo Lomba; Rodinei, Renato Chaves, Ferron e Gilson; Fernando Bob, Josimar (Elton), Bady (Juninho) e Felipe Azevedo; Biro Biro e Borges (Alexandro)
Técnico: Doriva

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes (Neto Berola), Gustavo Henrique, David Braz e Zeca; Lucas Otávio, Renato, Lucas Lima e Marquinhos Gabriel (Rafael Longuine); Gabriel (Leandro) e Ricardo Oliveira
Técnico: Dorival Júnior

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.