Brasil

Coronel suspeito de pedofilia raptou um bebê no Rio de Janeiro

Coronel reformado da Polícia Militar, Pedro Chavarry/Foto: Divulgação
Coronel reformado da Polícia Militar, Pedro Chavarry/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O coronel reformado da Polícia Militar, Pedro Chavarry, suspeito de abusar sexualmente de uma menina de dois anos, é suspeito também de tirar um bebê de uma vendedora ambulante e entregar a criança a uma outra família, de acordo com a Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima.

De acordo com o G1, a vendedora ambulante, mãe de sete filhos, conta que conheceu o militar quando estava em um abrigo. Ele chegou a batizar a filha mais velha e levava as outras para passear de vez em quando.

Coronel reformado da Polícia Militar, Pedro Chavarry/Foto: Divulgação

Coronel reformado da Polícia Militar, Pedro Chavarry/Foto: Divulgação

A polícia acredita que a menina foi levada porque seria mais fácil para Pedro Chavarry levar a criança se ela estivesse em uma outra família. Há indícios de que ele poderia também abusar dessas crianças.

A mulher que ficou com a criança já foi localizada pelos agentes da Delegacia. Pedro Chavarry será indiciado por subtração de incapaz. A pena pode chegar a seis anos de prisão. O casal que ficou com o bebê também será indiciado por registrar o filho de outra pessoa. A pena prevista para esses casos é a mesma.

Fonte: Notícias ao Minuto

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.