Cultura

Corpo de Dança faz temporada de espetáculos no Teatro Amazonas

Redação
Escrito por Redação

Depois de convidar o público para uma série de ensaios abertos para ajudar no processo criativo de construção de seus espetáculos, na iniciativa “CDA de Portas Abertas”, o Corpo de Dança do Amazonas abre uma temporada de apresentações gratuitas, de 30/06 a 03/07, no Teatro Amazonas (Largo de São Sebastião, s/nº, Centro, zona sul), com “Cabanagem”, “A Sagração da Primavera”, e “Milongas”. A programação é uma realização do Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Cultura.

Nesta quinta e sexta-feira, 30/06 e 01/07, às 20h, será apresentado o espetáculo “Cabanagem”, de Mário Nascimento, que traduz o espírito de resistência, de luta, de revolta e de preservação das culturas do período no qual negros, índios e mestiços insurgiram contra a elite política na Região Norte do Brasil, no período regencial. Diversas batalhas fizeram com que o movimento ficasse marcado pela violência, o que é possível sentir ao longo da apresentação, com movimentos bem marcados e rápidos. O espetáculo tem sua coreografia baseada nas obras ‘Uma breve história do Amazonas’, de Márcio Souza, e ‘No País das Amazonas’, de Marilene Corrêa.

No sábado, 02 de julho, também às 20h, o Corpo de Dança interpreta mais uma vez o espetáculo já aclamado pelo público, “A Sagração da Primavera”, releitura da obra de mesmo nome dos russos Vaslav Nijinsky e Igor Stravinsky, com coreografia assinada pelos bailarinos Adriana Góes e André Duarte, que retiraram a obra do seu contexto inicial e fizeram uma releitura imersa na cultura indígena. Essa releitura se passa no Ritual da Moça Nova, um costume característico da tribo Tikuna, onde uma jovem índia chamada Worecü, ao menstruar pela primeira vez, é retirada do convívio social e dedica-se a trabalhos manuais atribuídos às mulheres.

E no domingo, 03 de julho, às 19h, o Corpo de Dança interpreta o espetáculo “Milongas”, de Monique Andrade, mesclando as técnicas do balé clássico às da dança contemporânea, sempre com referência ao tango tradicional e ao tango eletrônico.

A programação, cuja entrada é franca, é uma oportunidade para o público ver de perto o aprimoramento dos bailarinos que compõem o Corpo de Dança, num trabalho que começou anos atrás, com a formação do corpo artístico. “Essas apresentações são importantes, pois demonstra o bom desempenho dos trabalhos desenvolvidos pelo grupo, ao longo de quase 18 anos”, declara Getúlio Lima, diretor do Corpo de Dança.

A temporada de apresentações no Teatro Amazonas precede a viagem em turnê do Corpo de Dança ao estado de Pernambuco, onde irão participar do projeto “Um Norte que Dança”, projeto do Casarão de Ideias contemplado pelo edital “Ocupações dos Espaços”, da Caixa Cultural. É a primeira vez que um grupo de dança do Amazonas participa do edital.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.