Amazonas Esportes

De ressaca por eliminações Flamengo enfrenta o Fortaleza pela Copa do Brasil

Muricy conversa com jogadores/Foto: Gilvan de Souza
Muricy conversa com jogadores/Foto: Gilvan de Souza
Redação
Escrito por Redação

O Flamengo é um time pressionado a vencer. Depois das eliminações na Primeira Liga e no Campeonato Carioca, o Rubro-negro volta a campo hoje, quarta-feira (04) com a obrigação de triunfar, tendo como adversário é o Fortaleza, às 21h45 (de Brasília), no Castelão, pela segunda fase da Copa do Brasil.
De ressaca pelos últimos resultados e ciente da necessidade em se reconciliar com uma insatisfeita torcida, o Flamengo sonha em vencer por dois gols de diferença e eliminar o jogo de volta, marcado para 18 de maio, em Volta Redonda.

O técnico Muricy Ramalho enfrenta críticas dos torcedores em razão de o time ainda não ter um esquema tático definido. O comandante optou por mandar a campo uma equipe ofensiva. Sem Alan Patrick e Emerson Sheik, o ataque será formado pelo trio Fernandinho, Marcelo Cirino e Paolo Guerrero.

Muricy avaliou de forma positiva os primeiros meses na Gávea, mesmo com as eliminações na Primeira Liga e no Campeonato Carioca. No entanto, ele deixou claro que é hora de o Flamengo corresponder dentro das quatro linhas.

“O trabalho está sendo muito bem feito, mas é preciso começar a ter resultado. O trabalho às vezes é bom e não tem resultado. Às vezes é ruim e dá resultado. Agora, com certeza, é a hora de começar a dar resultado, porque o time já está entrosado”, garantiu.

“Esse grupo tem uma disciplina incrível, mas é resultado. Às vezes, você não tem um grupo como temos e o resultado esconde. É um elenco que está querendo, trabalhando duro, por isso temos confiança. Esse time é muito preocupado em relação ao que está acontecendo”, encerrou.

FORTALEZA X FLAMENGO

Data/hora: 04/05/2016, às 21h45 (de Brasília)
Local: Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Auxiliares: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Dijalma Silva Ferreira Jr – BA

Fortaleza
Ricardo Berna; Pio, Lima, Edimar e Willian Simões; Juliano, Dudu Cearense, Éverton e Jean Mota; Juninho e Anselmo
Técnico: Marquinhos Santos

Flamengo
Paulo Victor; Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Mancuello; Fernandinho, Marcelo Cirino e Guerrero
Técnico: Muricy Ramalho

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.