Amazonas Política

Deputado Luiz Castro defende preservação dos recursos florestais na BR-319

Deputado Luiz Castro, em audiência na Aleam/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O conceito de estrada parque, para que a BR-319 sirva não apenas para ligar Manaus ao resto do País, foi defendido, ontem (25), na Assembleia Legislativa do AM, pelo deputado Luiz Castro (REDE), para que os recursos florestais, ao longo das margens da rodovia, sejam preservados como atrativo turístico e como exemplo de respeito ao meio ambiente.
“Não queremos repetir os erros cometidos na estrada Acre-Peru, que hoje está tomada por favelas, em suas margens”, alertou o deputado, durante a audiência pública que discutiu a recuperação da rodovia BR-319, por iniciativa do deputado Platiny Soares (PV).

A estrada foi construída na década de 70, pelo governo militar, para integrar a Amazônia, ligando Manaus a Porto Velho (RO), e aos demais Estados, mas o abandono de vários trechos, na década seguinte, impediu o tráfego na região. Luiz Castro deixou claro que é a favor das obras de recuperação da BR-319, para que Manaus, e os municípios de Apuí, Humaitá e Manicoré que dependem da estrada, não fiquem isolados.

Para o deputado, é possível recuperar a estrada garantindo o desenvolvimento econômico da região, ao mesmo tempo em que se deve preservar o meio ambiente, utilizando as novas tecnologias de fiscalização como os satélites e drones, exemplificou.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.