Cidades

Dupla suspeita de homicídios e envolvimento com o tráfico de drogas é presa

presos
Redação
Escrito por Redação

Márcio André Paiva Rodrigues, 22, o ‘Márcio André’, e Ramon Almeida, 26, conhecido como ‘Ramonzinho’, foram presos após investigações de policiais civis do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), por envolvimento com o tráfico de drogas, na última sexta-feira (29), por volta das 9h, na rua 1, bairro Redenção, Zona Oeste de Manaus.

A dupla também era investigada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) por assassinatos na cidade, foi abordada pelos investigadores da Denarc quando conduziam uma motocicleta com placa adulterada.

Durante os procedimentos de revista, foi encontrado com os suspeitos, um revólver calibre 38 com seis munições intactas.

Os suspeitos foram fragranteados por porte ilegal de arma de fogo e adulteração de veículo automotor.

Conduzidos à delegacia, constatou-se que haviam quatro mandados de prisão preventiva em aberto contra Márcio André por homicídio.

Na manhã desta terça-feira (2), na sede da DEHS, a dupla foi apresentada durante a coletiva de imprensa.

De acordo com o titular da DEHS, delegado Ivo Martins, informou que Márcio André é apontado pela polícia como um dos mais perigosos assassinos do Estado do Amazonas pela frieza nos crimes.

Uma das suas vítimas foi um jovem usuário de drogas, identificado como Davi Lima da Silva, 17, assassinado com dois tiros na cabeça, na rua Quinze de Outubro, na madrugada do dia 5 de agosto de 2014, após uma emboscada arquitetada por Márcio André próximo à Escola Estadual Tereza de Jesus Vasconcelos Dias, bairro Redenção.

“O Márcio André é bastante perigoso, com atos de perversidade durante os crimes cometidos. Em um dos casos chegou efetuar 20 tiros de arma de fogo contra a cabeça de um homem”, afirmou o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, a dupla é responsável por sete homicídios e duas tentativas de homicídios na capital amazonense.

A maioria dos crimes está relacionado pela disputa do tráfico de drogas nas áreas do bairro Redenção.

Márcio André e ‘Ramonzinho’ foram encaminhados à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro, onde ficarão à disposição da Justiça.

Repórter: Correio da Amazônia – fotos: divulgação/Polícia Civil

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.