Amazonas Política

Eleitores dispõem de mais um posto de recadastramento biométrico, em Manaus

Vice-governador Henrique Oliveira e Desa. Socorro Guedes(TRE)/Foto: Roberto Carlos
Vice-governador Henrique Oliveira e Desa. Socorro Guedes(TRE)/Foto: Roberto Carlos
Redação
Escrito por Redação

Inaugurado ontem (01), em solenidade presidida pelo vice-governador do Amazonas, Henrique Oliveira, o terceiro posto de recadastramento biométrico dos eleitores na capital amazonense, instalado na sede da Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (AADES), localizada na rua Major Gabriel, Centro, na zona sul de Manaus.
A instalação do novo posto faz parte de uma parceria entre o Governo do Estado e o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), firmada no mês de maio, com investimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na ordem de R$ 2,4 milhões para ampliar o cadastramento biométrico dos eleitores da capital.

Estiveram presentes ao ato, a presidente da AADES em exercício, Tatianne Vieira Assayag, a  presidente do TRE-AM, desembargadora Socorro Guedes, e o vice-presidente e corregedor do TRE-AM, desembargador João Mauro Bessa. O vice-governador Henrique Oliveira enfatizou que a biometria traz mais confiabilidade ao eleitor quanto ao processo de votação.

“Com a sua digital o eleitor está consolidando o seu maior papel de cidadão, que é eleger seus representantes. E essa tecnologia inviabiliza fraudes no processo de votação. O governador José Melo e a presidência do TRE priorizam esse momento importante para que nas próximas eleições possamos ter 75% do Estado coberto com o recadastramento biométrico.  E a população tem mais essa oportunidade de ser atendida com esse novo posto e estar em dia com as suas obrigações eleitorais”.

Manaus é o maior colégio eleitoral do Estado com 1,2 milhão de eleitores cadastrados nos cartórios eleitorais, o que representa 55,8% do total de eleitores do Amazonas. O TRE-AM tem o objetivo de instalar 11 postos de atendimento somente em Manaus e concluir o recadastramento biométrico da capital e Região Metropolitana até no início de 2016. Os municípios de Autazes, Careiro Castanho e Silves em breve receberão o atendimento para cadastramento biométrico.

Rezoneamento – O recadastramento biométrico consiste na atualização das informações dos eleitores e na coleta dos dados biométricos. Segundo a presidente do TRE-AM, desembargadora Socorro Guedes, outro benefício do recadastramento é o rezoneamento de Manaus.

“Com esse novo posto, que vai funcionar semanalmente das 08h00 às 13h00, damos prosseguimento ao nosso projeto da biometria por toda Manaus. E um outro fator interessante é que com esse cadastro fizemos um rezoneamento que consiste em organizar as zonas eleitorais para trazer mais comodidade ao eleitor. Se ele mora no centro, ele vai votar no centro e não mais se deslocar para lugares distantes das suas moradias para votar”, explicou.

Documentos – Para fazer o cadastramento, os eleitores devem fazer o agendamento através do site do TRE-AM: www.tre-am.jus.br. O cadastramento em Manaus só é válido para os eleitores da capital. No dia que for fazer o cadastro, o eleitor deve ter em mãos, o documento original de identidade ou outro documento emitido por órgão oficial com foto e comprovante original de residência.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.