Amazonas Cultura

´Encontro de Intérpretes de Dança´ apresenta grandes obras do balé clássico

Espetáculo de dança Tela Clássica/Foto: Divulgação
Espetáculo de dança Tela Clássica/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

No período de 07 (amanhã), a 10 (sexta-feira), nos Teatros Amazonas e Gebes Medeiros, a Secretaria de Estado de Cultura, apresenta uma extensa programação acadêmica e gratuita, do 3º Encontro de Intérpretes de Dança do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro.
A abertura do evento acontece no Teatro Amazonas – Centro histórico de Manaus, amanhã, terça-feira, às 20h00, com o espetáculo “Teia Clássica”, que resgata a tradição do Balé de Repertório, apresentando trechos de grandes obras do balé clássico, com coreografias especialmente adaptadas para essa apresentação.

Já na quarta-feira (08), no Teatro Gebes Medeiros, na Avenida Eduardo Ribeiro, começa uma vasta programação acadêmica, com mesas-redondas, oficinas de dança contemporânea, dança urbana, balé clássico, entre outros, com professores do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro e do curso de Dança da Universidade do Estado do Amazonas.

Teia Clássica e o balé de repertório

Sucesso de público em 2015, o espetáculo de dança “Teia Clássica”, com os alunos do Núcleo de Dança do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, sobe mais uma vez ao palco do Teatro Amazonas, para apresentação única, nesta terça-feira (7), às 20h.

O espetáculo tem coordenação artística de Baldoino Leite e remontagem coreográfica de Monique Andrade, com os alunos do Curso de Formação Artística e Técnica em Dança do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, além dos bailarinos convidados Vanessa Viana, Nonato Mello e Giselle Jardim, que prometem realizar uma belíssima apresentação.

O “Teia Clássica” resgata a tradição do Balé de Repertório e apresenta trechos de grandes obras do balé clássico, com coreografias especialmente adaptadas para essa apresentação, tais como as cenas recriadas dos títulos “Coppélia”, ”Quebra Nozes”, “Dom Quixote”, “Esmeralda”, “Bela Adormecida”, ”Carnaval de Veneza”, entre outros.

O espetáculo é resultado do trabalho de uma equipe que trabalha com os alunos desde a iniciação até a sua formação artístico-profissional, e conta especialmente com a preparação dos ensaístas Branco Souza e Eduardo Amaral, além da coordenação pedagógica de Solange Veríssima.

Segundo Baldoíno Leite, a dança é uma forma de expressão artística, na qual os melhores resultados só são alcançados a longo prazo. “Isso é o que torna essa apresentação mais um momento feliz para os alunos que, ao longo desses quatro anos de curso, se dedicam a aprender várias técnicas de dança, em especial o balé clássico”.

Os professores e alunos envolvidos no espetáculo esperam reunir um grande público no Teatro Amazonas, com a presença de familiares, comunidade em geral e profissionais de dança, por se tratar de uma apresentação com linguagem mais técnica e coreografias riquíssimas, inspiradas em grandes números do balé clássico mundial.

Para o secretário de Estado de Cultura, Robério Braga, o planejamento e a qualidade empregada neste espetáculo são exemplos do esforço realizado pelos profissionais do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, na geração e desenvolvimento de novos talentos nas diversas vertentes artísticas.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.