Esportes

Encontro dos invictos na final do Amazonense Juvenil de Futebol, no dia 3 de setembro

O encontro dos invictos vai marcar a final do primeiro turno da competição/Fotos: Anderson Silva/Sejel
O encontro dos invictos vai marcar a final do primeiro turno da competição/Fotos: Anderson Silva/Sejel
Redação
Escrito por Redação

Dois invictos no Campeonato Amazonense Juvenil em lados opostos da tabela. Enquanto o Rio Negro avançava para as semifinais em primeiro lugar, o Sul América se classificou na terceira colocação. E logo na semifinal, o Trem da Colina venceu o segundo colocado Fast, que jogava por um empate, por 1 a 0. Já o líder Rio Negro, passou pelo Tarumã, último classificado do G4, “usufruindo” da vantagem do empate, em 2 a 2, na rodada dupla desta sexta-feira, dia 30, no estádio da Colina. A competição recebe apoio do Governo do Amazonas, por meio de Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).
Agora o encontro dos invictos vai marcar a final do primeiro turno da competição, na próxima segunda-feira, dia 3, em jogo que acontecerá estádio da Colina.

Gol salvador do Trem

Vindo de três empates seguidos, o Trem da Colina precisava vencer para chegar à final. Com o rival dono da vantagem do empate, o Sul América tinha que obrigatoriamente ganhar o jogo. E foi isso que fez o time do bairro Glória. Com o gol salvador aos 18 minutos do segundo tempo, Birinha garantiu a classificação do Trem para a final, na partida que reeditou a final da competição do ano passado.

“Agradeço a Deus pelo gols e por ter feito o gol. Consegui levar o time para a final e apesar de o nosso time ter se entrosado no decorrer do campeonato, está de parabéns. Agora é contra o Rio Negro e se Deus quiser vamos passar”, explicou o atacante e autor do gol da classificação do Trem, Birinha.

Sufoco do Galo

Quem imaginou que o Rio Negro passaria fácil pelo Tarumã; errou a previsão. O último classificado para a semifinal acabou surpreendendo o Galo e por pouco não eliminou o time barriga-preta. A partida que terminou em 2 a 2 foi dramática.

Mais compacto e com um time mais técnico, o Rio Negro abriu o placar antes dos 10 minutos do primeiro tempo com Juninho. A partida só voltou a esquentar na volta para o segundo tempo. O Tarumã marcou de pênalti com Alexandro, aos dois minutos. Nove minutos depois Abraão virou a partida: 2 a 1. O resultado classificava o Lobo do Norte, mas Renatinho salvou o galo da eliminação: 2 a 2.

“Acho que o Tarumã entrou como uma postura no segundo tempo que não esperávamos. Eles colocaram um atacante veloz, pegamos o primeiro gol de um pênalti, que o juiz marcou, e o segundo gol foi uma falha nossa. Mas a superação dos garotos no final nos fortalece”, declarou o técnico do Rio Negro, José Ribamar.

Final do infantil
Reinando absoluto no infantil, o Sul América enfrenta o Cliper, às 18h, da próxima segunda-feira, dia 3, de acordo com a tabela da Federação Amazonense de Futebol (FAF), no estádio da Colina.

O encontro dos invictos vai marcar a final do primeiro turno da competição/Fotos: Anderson Silva/Sejel

O encontro dos invictos vai marcar a final do primeiro turno da competição/Fotos: Anderson Silva/Sejel

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.