Amazonas Colunas

Entre o medo e o pavor – por Garcia Neto

Garcia Neto é jornalista e professor universitário.
Redação
Escrito por Redação

(Há 3 anos – Relembrando publicações de Garcia Neto – 20 de maio de 2013 • Manaus, AM)

O vereador Kleber Bechara (PT/Novo Airão) publicou ‘Carta Aberta a População’ no grupo AQUI É NOVO AIRÃO, em que ele, como cabeça dura e nebulosa, mantém suas pretensões de interferir no Sindicato dos Servidores Municipais de Novo Airão (Sindsepm-NA).

Para quem acompanha a política de bastidores no município, não há como descartar a hipótese de que o vereador atendeu a sugestões urdidas de dentro de uma repartição federal, por seus funcionários mais ligados à D. Lindinalva. Em se tratando de perseguir e reprimir trabalhador, basta convocar o PT do Cícero, da Lindinalva e do Kleber e a militância mais agressiva do partido!

Por medo e pavor de publicar sua carta nos demais grupos de Novo Airão, o vereador buscou um canal que ele pensa que eu não tenho acesso, o grupo AQUI É NOVO AIRÃO, um portal cuja maioria absoluta dos participantes não tem ligação com o município de Novo Airão.

É uma fanpage plantada para desviar a atenção da juventude para o que acontece na política local, suprimindo, assim, o acesso a publicações no Portal de Novo Airão e demais redes sociais local.

O funcionário federal Lelis Tavares, do ICMbio, conhecido por suas ações truculentas por onde atuou, criou um grupo fechado para acesso somente de pessoas menos esclarecidas, fáceis de se iludirem com promoçõezinhas, ao invés de incentivar à prática da cidadania, com membros mais lúcidos, problematizadores, críticos e reflexivos, capazes de contribuir para as mudanças de valores sociais.

Cabe ressaltar que os principais integrantes do grupo que comanda os destinos de Novo Airão não são de Novo Airão. Vejamos: Lindinalva (Bahia), Cícero é de Manaus/AM, Kleber é de São Paulo/SP, Lelis Tavares (Maranhão).

P.S.: Em 2016, o vereador Kleber Bechara é candidato a prefeito pelo partido Rede da ex-ministra Marina Silva, aquela que deixou o Amazonas fora do Brasil, isolado por estrada dos demais Estados brasileiros.

Uma particularidade, Kleber rompeu com Lindinalva assumindo uma linha oposicionista, mas, volta e meia, tira fotos na companhia da prefeita.

*Garcia Neto é jornalista e professor

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.