Amazonas Educação

Especialistas discutem a educação no AM, no 6º Seminário do Sinepe

Professora Elaine Saldanha, presidente do Sindepe-Am/Foto: Divulgação
Professora Elaine Saldanha, presidente do Sindepe-Am/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação
Professora Elaine Saldanha, presidente do Sindepe-Am/Foto: Divulgação

                   Professora Elaine Saldanha, presidente do Sinepe-Am/Foto: Divulgação

Com a palestra da presidente do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Amazonas (Sinepe/AM), Elaine Saldanha, será aberto, amanhã, quarta-feira (10), o 6º Seminário Sinepe/AM de Educação, com o tema: “Educação de Qualidade: Desafios e Perspectivas”, das 18h30 às 21h30, em cerimônia no Hotel Intercity Premium, na rua Professor Marciano Armond, bairro Adrianópolis.
O seminário será uma oportunidade para gestores, coordenadores, professores e estudantes de educação trocarem experiências e avaliarem de que forma é possível trazer melhorias para o ensino e formação dos cidadãos amazonenses. Para a presidente do Sinepe/AM, professora Elaine Saldanha, a educação precisa se transformar para acompanhar um cenário em constante evolução.

Entre os destaques do evento, está a palestra magna sobre “Educação como negócio frente à nova conjuntura econômica e fi­nanceira do Brasil”, a ser ministrada pelo mestre, educador e terapeuta financeiro Reinaldo Domingos, que é presidente da DSOP Educação Financeira, da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da Editora DSOP, além de autor do best-seller Terapia Financeira, Papo Empreendedor e Sabedoria Financeira, entre outras obras.

Ele aponta que, na contramão à crise econômica, a educação é hoje um dos setores que tem apresentado boas perspectivas. “Isso acontece por conta da influência da escassez de profissionais e a busca por qualificação para enfrentar o mercado de trabalho mais retraído”, apontou o especialista.

Reinaldo frisa que uma mudança comportamental dos gestores que atuam na área da educação também é fundamental para essa nova tendência. “É preciso inovar, não apenas tecnologicamente, mas trazendo novidades, alternativas e soluções através das expertises e, para isso, é necessário pensar fora da caixinha, investir em ideias, talentos e conhecimento”, frisou o educador.

Confira a programação:

O seminário inicia às 19h00, com uma solenidade de abertura que contará com a presença da diretoria do Sinepe/AM, seguida da palestra de Reinaldo Domingos. No dia 11, a partir das 18h30, a escritora e psicóloga Isa Magalhães profere a palestra sobre “Educação Emocional para Educadores”. Às 20h, o professor Eustaquio Penido, da Fundação Dom Cabral, apresenta a palestra “Gestão em Instituições Educacionais da Educação Básica ao Ensino Superior”.

Ainda no dia 11, acontecerão três minicursos: “Brincar e as interações: eixos norteadores de experiências significativas na primeira Infância”, com a mestra em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem na Pontifica Universidade Católica de São Paulo (PUC – SP), Daniela Miranda da Costa; “A Árvore dos Sonhos”, com a gestora da unidade da DSOP Manaus, Vera Lúcia Salgado; e Educação Inclusiva: Desa­fios para um trabalho efetivo da Educação Básica ao Ensino Superior, com a Mestre em Educação Especial, professora Hortência Macedo.

No dia 12, a partir das 18h30, acontece a palestra “Prevenção às Drogas através da Educação Emocional e Valores Humanos”, com a escritora e psicóloga Isa Magalhães. Às 20h, será a vez da professora Adriana Albertal falar sobre “Desafios para este século 21: Tornar os alunos brasileiros bilíngues para atuarem no mercado global”. Em seguida, acontecem os minicursos sobre O Letramento e o Processo de Ensino-Aprendizagem da Linguagem no Contexto Escolar, com Daniela Miranda; Alimentação Saudável em Cantinas e no Horário Integral, com a nutricionista Magali Dinelli; e Programa Escola da Inteligência, com a educadora Maria José Calmont.

Haverá ainda exposição de produtos e serviços de parceiros do Sinepe, visando a permitir que os participantes tenham acesso a ferramentas capazes de contribuir para a melhoria no processo técnico-pedagógico, tanto de profissionais quanto das instituições.

As inscrições estão sendo feitas direto na sede do Sinepe, à rua Francisco José Furtado, 16, São Francisco, ou mediante depósito bancário. Os interessados podem pedir as informações pelos telefones 3631-8446 e 99114-2865, além do site www.sinepeam.com.br.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.