Amazonas Economia

Estratégias de produção de juta e malva no AM serão debatidas em Workshop

A prosução de juta e malva em debate/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Para discutir as ações desenvolvidas no setor primário, especialmente, as estratégias de produção de juta e malva, no interior do Amazonas, a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) realizará, em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), nos dias 4 e 5 de maio próximos, o 2º Workshop de Estratégias de Dinamização da Cadeia Produtiva de Malva e Juta no Estado.
O encontro ocorrerá no auditório Sumaúma da Faculdade de Ciências Agrárias (FCA) da Ufam, das 08h00 às 17h00, e de acordo com a coordenadora do workshop, Albejamere Castro, o evento contará com pesquisadores, representantes governamentais e indústrias do segmento, além de instituições de pesquisa e órgãos da administração pública com relação direta com a produção de juta e malva no Amazonas, como a Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam).

“O workshop será estruturado com palestras sobre o contexto atual da produção de fibras no Amazonas, além de oficinas, painéis e espaços para discussão e socialização do conhecimento. Ao final, será elaborada uma matriz com todos os encaminhamentos oriundos das discussões e os respectivos prazos para que cada órgão participante assuma o compromisso de contribuir com o segmento”, disse Albejamere Castro.

Segundo ela, devido à grande problemática socioeconômica e ambiental que a cadeia de produção de fibra de malva enfrenta no Amazonas, o cultivo dessa matéria-prima é de fundamental importância para a economia do Estado.

“Isso envolve um contingente considerável de pessoas em suas atividades, que vem desde a produção de sementes no Pará até a industrialização e comercialização dos seus manufaturados. Por isso a importância de se debater e de se fazer um workshop como esse”, afirmou Castro.

As inscrições podem ser feitas no primeiro dia do evento, na entrada do local.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.