Cidades

Evento em Manaus mostra que servidor público empreendedor é tendência no país

Cerca de 80 servidores da União, do Estado e do Município participaram do evento na capital.
Cerca de 80 servidores da União, do Estado e do Município participaram do evento na capital.
Redação
Escrito por Redação

Resiliência, proatividade, inovação, criatividade, engajamento e produtividade são as habilidades mais procuradas hoje em um profissional no setor privado. Mas por que não também no setor público?. “É difícil e muitas vezes parece impossível empreender dentro das repartições públicas, mas não é bem assim, um novo software, uma nova planilha ou novo processo de trabalho, são ferramentas simples e que trazem inovação, produtividade e redução de custos para o ambiente de trabalho. E isso é empreender”, aponta o diretor presidente da empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A (PRODAM), Márcio Silva de Lira.

Durante esta terça-feira (18), cerca de 80 servidores da União, do Estado e do Município participaram de um evento inédito na capital amazonense, o Gov Lab Experience. O encontro, realizado pela Elogroup em parceria com o Governo do Amazonas, através da PRODAM, foi uma oportunidade para os profissionais conhecerem as principais ideias e tendências em temas como inovação, produtividade, engajamento, agilidade e governo digital, além de ampliar sua rede de networking.

Os participantes aprenderam que com mudanças simples é possível aumentar a produtividade, como reduzir de forma significativa perdas e desperdícios na gestão pública, identificar demandas dos cidadãos com grande alcance e baixo custo e mobilizar servidores em torno de um propósito único e impactante.

Cerca de 80 servidores da União, do Estado e do Município participaram do evento na capital.

Cerca de 80 servidores da União, do Estado e do Município participaram do evento na capital.

Segundo o diretor da Elogroup, responsável pelo Gov Lab Experience, Alexandre Guimarães, o modelo da administração da máquina pública caminha gradativamente de burocrática para gerencial. “E o grande agente de transformação para que isso aconteça é o próprio servidor, através de uma mudança na sua visão de gestão pública, passando a criar e propor soluções inovadoras para o dia a dia do órgão”, apontou.

Mesmo parecendo que empreendedor e servidor público são profissionais distintos, Guimarães explica que a única diferença é que enquanto as empresas buscam lucro, o setor público tem como premissa atender a sociedade. “Mas para que isso aconteça é necessária uma mudança dentro de nós mesmos”, apontou o diretor da Elogroup.

Participante do Gov Lab Experience, a funcionária pública há cinco anos, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Iêda Santana, conta que hoje é impossível não aliar as facilidades que a tecnologia proporciona com o dia a dia no trabalho e, com as mudanças constantes nas formas de aprender e ensinar, é essencial que os profissionais da educação estejam preparados para gerar resultado positivo na vida, no ensino e na aprendizagem dos estudantes.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.