Cidades

Ex-presidiário morre após troca de tiro com a polícia

troca-de-tiro
Redação
Escrito por Redação

O ex-presidiário Marcos Paulo Articlino Mota, conhecido como ‘Presença’, morreu na noite dessa sexta-feira (11), por volta das 19h30, após trocar tiros com policiais militares. O crime ocorreu na Rua Santa Rita, bairro Santo Agostinho, zona Oeste de Manaus.

Segundo a polícia, Marcos Paulo e mais dois comparsas realizavam ‘Arrastão’ no bairro Compensa, mesma zona da capital amazonense. O trio ocupava um veículo modelo Fox, cor preta, placa NOX-6700, com restrição de roubo, quando foi localizado pela guarnição da VTR-6306, na Avenida Coronel Cirilo Neves.

Ao tentar se aproximar dos suspeitos, os ocupantes empreenderam fuga pelas ruas do bairro até chegar à Rua Santa Rita (via sem saída). Marcos Paulo portava um revólver calibre 38. Ele reagiu à abordagem e atirou contra os policiais militares da 21ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que revidaram a ação do suspeito.

Marcos Paulo foi alvejado com quatro tiros e morreu no local. Os dois comparsas não identificados conseguiram fugir. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda chegou a ser acionada.

Conforme a perícia criminal do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), Marcos Paulo foi atingido na cabeça, perna direita, peito e abdômen. Ele tinha no braço esquerdo a tatuagem de um palhaço, símbolo que representa ‘matador de policiais’.

A namorada da vítima, Maria Lúcia, de 31 anos, disse aos policiais civis que Marcos Paulo, havia recebido o indulto de natal recentemente. Ele cumpria pena por roubo na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), zona Leste.

O corpo de Marcos Paulo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML). O veículo com restrição de roubo foi levado ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O caso foi registrado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.