Amazonas Cidades

Exame de DNA comprova que ossada encontrada é de jovem sequestrado

DNA comprova ossada de Bruno/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

É mesmo do garçom Bruno Barros dos Santos, de 20 anos, que esta desaparecido desde o mês de setembro do ano passado, a ossada encontrada e que estava no Instituto Médico Legal (IML). Os restos mortais do rapaz foram entregues ontem (06) à família para ser enterrado.
Bruno foi sequestrado no dia  9 de setembro do ano passado quando teve seu carro, um Corsa Sedan, de branca e placas não informado, tomado de assalto, na avenida Professora Emília Cavalcante, bairro Santo Agostinho, Zona Oeste de Manaus. O veículo da vítima foi abandonado por um homem ainda não identificado, na madrugada do dia seguinte, em frente a Interdigitos, localizada na Avenida Ramos Ferreira, no Centro da cidade.

A Polícia começou a investigar e as pistas aumentaram quando uma ossada humana foi encontrada em um ramal no Tarumã no mês de novembro.  Os restos mortais foram  encaminhados ao Instituto de Criminalística (IC), para ser submetido a uma série de exames dentre eles do de DNA.

Agora com o resultado dos exames, a Polícia por meio da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS) vai intensificar  as buscas ao(s) suspeitos, entre eles o homem que aparece nas imagens  abandonando o carro da vítima. Este homem seria um suspeito ligado ao traficante José Roberto Fernandes, o “Zé Roberto da Compensa”, preso na “Operação Muralha”, deflagrada pela Polícia Federal no final do ano passado.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.