Amazonas Esportes

Flamengo reintegra afastados, mas mantém multa aplicada

Escalação depende de Oswaldo Oliveira/Foto: Divulgação
Escalação depende de Oswaldo Oliveira/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Uma conversa no Ninho do Urubu definiu a reintegração de Marcelo Cirino, Éverton, Pará, Alan Patrick e Paulinho, ao elenco rubro-negro. A multa está mantida, mas, a partir de agora a decisão de escalá-los ou não caberá ao técnico Oswaldo de Oliveira.
A decisão aconteceu após uma reunião hoje, quarta-feira. Na visão da comissão técnica e do comando do futebol rubro-negro, os cinco jogadores teriam se mostrado arrependidos, o que indicaria que a punição, aplicada “por tempo indeterminado”, teria  cumprido seu papel. Os jogadores vão deixar de treinar em separado e passam a cumprir a mesma programação dos demais.

– Não houve anistia nenhuma. A multa foi mantida e anunciamos afastamento por tempo indeterminado, ou seja, até o momento em que o clube achasse correto. Houve uma conversa e o entendimento foi de que era o momento de reintegrar – disse o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello.

No clube, houve quem entendesse, ainda, que não faria mais sentido, após a suspensão inicial, manter treinando em separado jogadores que estão sob contrato e com salários pagos pelo Flamengo.(O Globo)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.