Mundo

Grécia pede ao FMI para adiar pagamento de parcela por quatro meses

Alexis Tsipras/Foto: AP
Redação
Escrito por Redação

O vice-primeiro-ministro grego Ioannis Dragasakis anunciou na televisão pública grega ERT, que a Grécia pediu ao Fundo Monetário Internacional (FMI) para adiar o pagamento da parcela de cerca de 1,5 bilhão de euros que deviam ser pagos até hoje.
“Entregamos um pedido ao Fundo Monetário Internacional para que tome a iniciativa de adiar o pagamento para o mês de novembro”, disse Dragasakis. O prazo para o pagamento está fixado para a meia-noite no horário de Bruxelas (19h em Brasília). Um adiamento permitiria à Grécia evitar o calote na dividia com o FMI, o que agravaria uma situação financeira já crítica.

Com o pedido, a Grécia recorre a uma disposição prevista na carta do fundo que permite, a pedido de um Estado-membro e sem a necessidade de votação (pelos integrantes do FMI), adiar a data de um pagamento de três a cinco anos, que corresponde à duração dos seus empréstimos. O mecanismo foi usado duas vezes na história do FMI, em 1992, pela Nicarágua e pela Guiana.(Agência Brasil)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.