Amazonas Esportes

Hamilton ultrapassa Rosberg e vence GP da Alemanha

Lews Hamilton e a volta da vitória na Alemanha/Foto: Getty Images
Redação
Escrito por Redação
Lews Hamilton e a volta da vitória na Alemanha/Foto: Getty Images

           Lews Hamilton e a volta da vitória na Alemanha/Foto: Getty Images

Em quase uma repetição da história do GP da Hungria, Lewis Hamilton passou Nico Rosberg na largada para vencer com tranquilidade o GP da Alemanha. Porém, ao contrário da etapa do último final de semana, quando chegou em segundo, desta vez os primeiros metros ruins acabaram custando caro para o piloto da casa, que foi apenas o quarto e viu a desvantagem no campeonato subir de seis para 19 pontos.
Aproveitando a oportunidade, a Red Bull completou o pódio com Daniel Ricciardo e Max Verstappen. Do lado dos brasileiros, contudo, o dia não foi bom: Felipe Massa esteve lento desde as primeiras voltas e a Williams, suspeitando de um problema mecânico, decidiu abandonar a prova. Já Felipe Nasr largou bem, mas não conseguiu manter o ritmo e também acabou abandonando com seis voltas para o fim.

Largando da pole, Rosberg teve uma primeira volta bastante complicada, perdendo quatro posições na primeira curva e brigando no meio das Ferrari e das Red Bull para fechar o primeiro giro em quarto. Com isso, Hamilton se aproveitou para tomar a ponta, com Verstappen passando Ricciardo na primeira curva para assumir o segundo posto. Felipe Massa manteve o décimo posto, enquanto Felipe Nasr ganhou quatro posições na largada e subiu para 17º.

Rosberg foi para cima de Ricciardo na segunda volta e os dois ficaram lado a lado por várias curvas, mas o alemão não conseguiu fazer a ultrapassagem.

Enquanto isso, mais atrás, Massa tinha dificuldades com a traseira da Williams e perdia posições, obrigando a equipe a antecipar seu primeiro pit stop, antes da décima volta.

Quem também optou pela antecipação foi Rosberg, tentando superar Ricciardo nos boxes. Porém, a parada não foi boa e o alemão continuou atrás das duas Red Bull. Com isso, após as primeiras paradas, o top 10 tinha Hamilton, Verstappen, Ricciardo, Rosberg, Vettel, Raikkonen, Bottas, Grosjean, Hulkenberg e Gutierrez e, entre os ponteiros, apenas Verstappen e Rosberg optaram por seguir com o composto supermacio.

Punição para Rosberg

O alemão e o holandês foram os primeiros a fazer a segunda parada e o piloto da Mercedes voltou colado, fazendo a ultrapassagem em cima da Red Bull. Porém, os comissários julgaram que o vice-líder do campeonato forçou Verstappen para fora da pista e lhe deram uma punição de 5s.

Enquanto isso, os problemas de Massa continuavam, a ponto da Williams fazer uma longa parada nos boxes para tentar descobrir o que havia de errado com o carro. O brasileiro caiu para 19º, uma posição à frente de Nasr, e poucas voltas depois abandonou.

Após todos os pilotos terem feito dias paradas, na volta 34, o top 10 tinha Hamilton, Rosberg, Verstappen, Ricciardo, Vettel, Raikkonen, Bottas, Hulkenberg, Button e Alonso. Na volta 39, os carros da Red Bull inverteram posições, pois Ricciardo estava mais rápido até que Rosberg e ia à caça do alemão, que tinha apenas 3s de vantagem.

Como Rosberg teve de cumprir sua punição na terceira e última parada, acabou sendo superado por ambas as Red Bull, saindo para quarto. Tranquilo na ponta por toda a prova, até mesmo com a garoa que dificultou a vida dos pilotos nas últimas voltas, Hamilton viu o companheiro fora do pódio pela segunda vez nas últimas cinco corridas e vai para a pausa de quatro semanas em agosto com a maior vantagem que teve no campeonato desde a conquista do título do ano passado.

Daniel Ricciardo e Max Verstappen completaram o pódio, seguidos por Rosberg, Vettel, Raikkonen, Hulkenberg, Button, Bottas e Perez no top 10.

O campeonato tem nove etapas para o final e 225 pontos em jogo. A próxima corrida será na Bélgica, dia 28 de agosto, quando acredita-se que Hamilton será punido por usar o sexto motor do ano.

Resultado após 67 voltas:

1. Lewis Hamilton GBR Mercedes-Mercedes – 1h30min44s200
2. Daniel Ricciardo AUS Red Bull-Renault +06s900
3. Max Verstappen NED Red Bull-Renault +13s400
4. Nico Rosberg GER Mercedes-Mercedes +15s800
5. Sebastian Vettel GER Ferrari-Ferrari +32s500
6. Kimi Raikkonen FIN Ferrari-Ferrari +37s000
7. Nico Hulkenberg GER Force India-Mercedes +70s000
8. Jenson Button GBR McLaren-Honda +1 volta
9. Valtteri Bottas FIN Williams-Mercedes +1 volta
10. Sergio Perez MEX Force India-Mercedes +1 volta

11. Esteban Gutierrez MEX Haas-Ferrari +1 volta
12. Fernando Alonso ESP McLaren-Honda +1 volta
13 Romain Grosjean FRA Haas-Ferrari +1 volta
14. Carlos Sainz Jr ESP Toro Rosso-Ferrari +1 volta
15. Daniil Kvyat RUS Toro Rosso-Ferrari +1 volta
16. Kevin Magnussen DEN Renault-Renault +1 volta
17. Pascal Wehrlein GER Manor-Mercedes +2 voltas
18. Marcus Ericsson SWE Sauber-Ferrari +2 voltas
19. Jolyon Palmer GBR Renault-Renault +2 voltas
20. Rio Haryanto INA Manor-Mercedes +2 voltas

Abandonaram:

Felipe Nasr BRA Sauber-Ferrari 57 voltas completadas
Felipe Massa BRA Williams-Mercedes 37 voltas completadas
(UOL)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.