Cidades

Homem é encontrado sem cabeça em terreno na Zona Centro-Sul de Manaus

Terreno - local do crime_foto_Josemar Antunes_ca
Redação
Escrito por Redação

Um homem a princípio identificado como ‘Marcos Queiroz’, foi encontrado decapitado no início da tarde deste domingo (19). O crime ocorreu por volta das 13h30, em um terreno particular, localizado na Rua Conde de Itaguá, no Conjunto Parque das Laranjeiras, bairro Flores, Zona Centro-Sul de Manaus.

De acordo com o soldado Iran Caldas, da 12ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a guarnição foi acionada pelo 190, após moradores da área informarem sobre a existência de um corpo jogado no terreno da empresa Madeireira Solimões.

“Ao chegarmos ao local, fizemos a busca na mata do terreno e encontramos o corpo do homem. A cabeça foi achada a mais de sete metros de distância do corpo. Além disso, a vítima tinha vários cortes profundos nos braços”, disse o policial militar.

A cabeça foi achada a mais de sete metros de distância do corpo - foto: Josemar Antunes

A cabeça foi achada a mais de sete metros de distância do corpo – fotos: Correio da Amazônia

O soldado informou, ainda, que o suspeito do crime foi identificado como Vinícius Roberto de Lima Kossatz, de 18 anos. Ele havia deixado o Centro de Detenção Provisório Masculino (CDPM) na sexta-feira (17).

Moradores informaram que os dois homens foram vistos bebendo em um bar, próximo ao local do crime, durante toda a madrugada.

Os policiais militares foram à residência do suspeito, mas segundo a mãe de Vinícius, o filho chegou e saiu logo depois de casa com o pai sem dizer para onde iriam. A arma usada no crime não foi encontrada.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate da vítima - foto: divulgação/Polícia Militar

O Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate da vítima – foto: divulgação/Polícia Militar

O Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate da vítima que estava em uma área de difícil acesso do terreno.

Após os trabalhos dos investigadores da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS) e peritos criminais do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), o corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML).

O plantonista do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), delegado Mauro Soares, preferiu não confirmar a princípio Vinícius como autor do crime.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.