Cidades

Homem é preso após furtar dois celulares em embarcação atracada no Porto de Manaus

Redação
Escrito por Redação

André Luiz Ribeiro da Silva, de 26 anos, foi preso na manhã de quinta-feira (11), por volta das 11h, pela equipe de investigação do 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), em cumprimento a mandado de prisão preventiva, pelo crime de furto qualificado, fato ocorrido na noite de segunda-feira (8), em uma embarcação.

De acordo com o titular da unidade policial, delegado Aldeney Goes, o crime aconteceu por volta das 21h30, em um barco que estava atracado no Porto de Manaus, Centro da cidade, zona Sul, onde o infrator trabalhava. Na ocasião, André teria furtado seis aparelhos celulares que seriam transportados pela embarcação e deveriam ser entregues a uma pessoa no município de Anamã (a 165 quilômetros de Manaus).

“O dono do barco teria confiado a André Luiz a chave de um local onde estavam guardados os celulares, que estavam em uma caixa lacrada. O rapaz então furtou os aparelhos e fugiu. Demos início às investigações, ouvimos testemunhas e representamos o pedido de prisão em nome do infrator”, disse o titular do 24º DIP.

Após os procedimentos na delegacia, André Luiz foi encaminhado para a Cadeia Pública - fotos: divulgação/Polícia Civil (PC)


Após os procedimentos na delegacia, André Luiz foi encaminhado para a Cadeia Pública – fotos: divulgação/Polícia Civil (PC)

Aldeney Goes explicou que André foi preso na casa onde morava, na Rua Monte das Oliveiras, bairro Nossa Senhora de Fátima, Zona Norte da capital.

“Prendemos André em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido ontem, pela juíza Eulinete Melo Silva Tribuzy, titular da 11ª Vara Criminal”, declarou a autoridade policial.

Conduzido à unidade policial, André Luiz confessou, em depoimento, a autoria do delito. Na delegacia foi constatado, ainda, que ele tinha passagem pela polícia por roubo, furto e receptação. O rapaz foi indiciado por furto qualificado pelo abuso de confiança e praticado durante o repouso noturno.

Ao término dos procedimentos cabíveis ele foi levado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá permanecer à disposição da Justiça. Dois celulares furtados por André Luiz foram encontrados com ele e devolvidos ao proprietário da embarcação.

Por Josemar Antunes e assessoria

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.