Polícia

Homem é preso por populares após tentativa de assalto no centro de Manaus

Ladrão após a surra, foi amarrado até a polícia chegar/Foto: Divulgação
Ladrão após a surra, foi amarrado até a polícia chegar/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O Bar do Caldeira, na esquina das ruas José Clemente com Lobo D’Almada, em pleno Centro de Manaus, em seus dias de funcionamento, sempre recebe visitas ilustres para um bom bate-papo, música ao vivo e ambiente, além, é claro, de ser um local tradicional para encontro de grandes e conceituados amigos.
No entanto, essa tranquilidade toda foi momentaneamente quebrada no começo de tarde de hoje, quarta-feira, quando um ladrão de celular e de jóias foi agarrado e tratado de uma forma bem “justiceira”, como só mesmo a população manauara sabe tratar esse tipo de elemento nocivo ao sossego público.

Ladrão após a surra, foi amarrado até a polícia chegar/Foto: Divulgação

Ladrão após a surra, foi amarrado até a polícia chegar/Foto: Divulgação

Depois de atacar um jovem e lhe tomar os objetos, o ladrão foi perseguido de perto e agarrado inicialmente pelo popular “Anão do Grajaú”, também conhecido como “Anão Cara de Kombi”, que trabalha naquele conhecido salão de beleza, mas na hora que presenciou o roubo se transformou num herói da cena, se agarrando e tomando a faca que o ladrão usou para atacar sua vítima.

Depois da surra que levou, o ladrão foi preso a um ferro.

Dezenas de pessoas testemunharam a prisão do ladrão.

Policiais chegaram e já encontraram o ladrão imobilizado e com o corpo cheio de pancadas.

Depois da bravura do Anão Cara de Kombi, veio a ajuda de outras pessoas que passavam pelo local, e ajudaram a aplicar uma dolorida surra no ladrão. Até o aparecimento da polícia no local, o criminoso apanhou bastante e nem ele mesmo queria acreditar que havia sido preso pelo Anão do Grajaú.

Os objetos roubados foram recuperados e devolvidos para a vítima, que ficou tão feliz, que queria colocar o Anão no colo e abraçá-lo bastante como forma de agradecimento.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.