Amazonas Cidades

Homens envolvidos em crimes ambientais detidos no Tarumã

Igarapé sendo aterrado, no Tarumã/Foto: PC-AM
Redação
Escrito por Redação
Pássaros que se encontravam no cativeiro/Foto: PC-Am

Pássaros que se encontravam no cativeiro/Foto: PC-Am

A equipe de policiais da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema), sob a coordenação da delegada titular, Ana Cristina Braga, em conjunto com o Instituto de Criminalística (IC) e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), realizaram na manhã de ontem (03), ação que resultou na detenção de dois homens envolvidos em crimes ambientais.
De acordo com a delegada Ana Cristina Braga, a ação policial teve o intuito de apurar denúncias de delitos contra o meio ambiente, ocorridos no Igarapé do Rabicho, situado na Avenida da Floresta, bairro Tarumã, na zona Oeste de Manaus.

“Ao chegarmos ao local da denúncia encontramos dois homens aterrando o igarapé do Rabicho. Além disso, eles, também, possuíam em cativeiro quatro animais silvestres, sendo uma arara-vermelha e três papagaios-da-várzea” explicou Ana Cristina.

Os dois homens foram conduzidos para a unidade policial onde assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pelos crimes de destruição de área de preservação permanente e ter em depósito animais silvestres sem devida permissão.

Após os procedimentos legais eles foram liberados para responder à Justiça em liberdade. Os animais foram encaminhados para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama).

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.