Amazonas

Innfraestrutura da TIM na Arena da Amazônia, fica como legado da Rio 2016

Torcedores e usuários TIM ganham legado na Arena/Foto: Divulgação
Torcedores e usuários TIM ganham legado na Arena/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação
Torcedores e usuários TIM ganham legado na Arena/Foto: Divulgação

                  Torcedores e usuários TIM ganham legado na Arena/Foto: Divulgação

A TIM implantou uma série de melhorias e investimentos para reforço de cobertura na Arena da Amazônia para os últimos jogos, como o da seleção brasileira x África do Sul, com o objetivo de oferecer uma melhor experiência no uso de rede de voz e dados aos amazonenses e visitantes. A operadora ampliou sua capacidade de rede no entorno do empreendimento para as disputas do megaevento esportivo que aconteceram na cidade. Toda a infraestrutura montada no estádio ficará como legado para a população.
“As interações nas redes sociais e navegação na internet durante os eventos na Arena Amazônia disparou nos últimas partidas esportivas, o que fez aumentar em 53% a demanda por dados 4G, superando inclusive a tecnologia 3G. Para possibilitar uma melhor experiência para o usuários, a TIM disponibilizou também rede Wi-Fi no estádio e no entorno.” Informa o gerente executivo da Engenharia de Rede TIM Brasil, Homero Salum.

A capacidade instalada atendeu os serviços de voz e dados na rede móvel com as tecnologias 2G, 3G, 4G e Rede Wi-Fi. A TIM investiu em uma combinação da tecnologia 4G com uma rede de alta velocidade ligada em fibra ótica, para atender à demanda do usuário, que exige cada vez mais capacidade da rede para o uso da Internet móvel.

Com a instalação de novos equipamentos, a operadora ampliou a frequência disponível utilizando a banda 1800 MHz, com o objetivo de reduzir a interferência e aumentar a velocidade de dados na web.

Com a nova capacidade, a TIM também aumentou a taxa de sucesso de chamadas de voz superior a 95% das tentativas na rede de acesso, atendendo aos requisitos de qualidade definidos pela Anatel no regulamento do serviço móvel.

Para atender à demanda do tráfego na rede móvel e evitar sobrecarga durante os jogos em Manaus, a TIM também contou com uma sala de operações para acompanhar online a utilização dos recursos e o crescimento do tráfego e tomar as ações de otimização das antenas com mais rapidez e agilidade.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.