Mundo

Israel prepara lei que permite prender crianças de 12 anos

Redação
Escrito por Redação

A proposta de Ayelet Shaked vem uma semana depois do caso em que uma criança palestina de 12 anos participou com o primo, de 15, no esfaqueamento de dois jovens israelenses, um de 13 e outro de 24 anos.

Hasan, de 15 anos, foi morto pelas forças de segurança israelenses, mas Ahmed, de 12, ficou apenas ferido e foi detido.

De acordo com a atual legislação, Ahmed não cumprirá pena de prisão por ter apenas 12 anos, uma vez que só a partir dos 14 anos é que a lei israelense permite a prisão de menores, o que fez com que o caso se tornasse um grande debate público.

O governo de Israel quer acelerar a aprovação da legislação para que Ahmed Manasra possa sair hoje do hospital, para onde foi levado por conta das feridas sofridas pelos policiais israelenss, e ir diretamente para a prisão.

Na nova onda de violência que domina a região, que começou no dia 1 de outubro, já morreram oito israelenses e 42 palestinos, metade deles era agressor, além de um árabe israelense, autor de um atentado em Bersheva, no sul de Israel, e um cidadão da Eritreia que foi morto por agentes que o confundiram com um agressor.

(Notícias ao Minuto)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.