Entretenimento

Joelma impede na Justiça Ximbinha de usar nome XCalypso

Redação
Escrito por Redação

A disputa judicial entre Joelma e Ximbinha pela marca Calypso ganhou mais um capítulo. O guitarrista foi impedido pela Justiça de Pernambuco de adotar o nome Calypso à nova formação do grupo, que passaria a se chamar XCalypso. A informação é da coluna “Retratos da Vida”, do jornal “Extra”, nesta sexta-feira (4).

Segundo a publicação, Ximbinha também foi afastado da administração do conjunto através de liminar requerida pela ex-mulher, de quem se separou após quase 18 anos de relacionamento. Dessa forma, Joelma ficará responsável por administrar os negócios da Calypso até o final do ano, quando deixará o conjunto. Em seguida, a artista partirá para carreira solo. Já o instrumentista terá ao seu lado Thábata Mendes, com quem já gravou uma nova música, “Saudade”.

Cantora desiste de novo nome artístico
No imbóglio, a artista se manifestou a favor que a marca Calypso fosse transferida para os seus filhos, mas o ex-marido foi contra. De acordo com o advogado de Cledivan de Almeida Farias, nome de batismo do guitarrista, não seria válido o título ficar sem uso, pois poderia gerar prejuízo financeiro para os seus criadores.

Acontece que nem Joelma – desconvidada para baile pré-Carnaval por conta de declarações homofóbicas – nem Ximbinha podiam colocar o nome Calypso em suas novas etapas profissionais. Mas mesmo assim o fizeram. De última hora, a cantora desistiu de acrescentar a palavra Calypso em seu novo nome artístico.

Já Ximbinha foi proibido ainda de vender shows usando a expressão XCaplypso. E até a prefeitura de Ananindeua (Pará), palco do primeiro show da nova formação da banda marcado para o dia 3 do mês que vem, pode ser envolvida na confusão. Procurados pela coluna, tanto a cantora como o instrumentista não se manifestaram.

(MSN)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.