Amazonas Política

Josué Neto destaca papel da Assembleia nos investimentos do Estado, em Manicoré

Deputado Josué Neto, em Manicoré/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Ao acompanhar o governador José Melo (PROS), na reinauguração da Escola Estadual Dídimo Soares, em Manicoré, a 390 quilômetros de Manaus, ontem, segunda-feira (27), o deputado estadual Josué Neto (PSD), presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, falou sobre o papel do parlamento estadual no direcionamento de recursos para os municípios, ressaltando que “hoje, cerca de R$ 56,6 milhões em obras de infraestrutura estão sendo investidas no município”.
Durante o evento, Josué Neto fez referência a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2015, aprovada na Aleam no último dia 14 de julho, que direciona grande parte dos recursos para área de educação. Ele explicou que durante as sessões plenárias os parlamentares apresentam propostas, reivindicações, requerimentos, e até indicações ao governador, que resultam em investimentos, melhoria da infraestrutura para as unidades de ensino e valorização dos profissionais de Educação.

Josué Neto lembrou algumas das conquistas que foram alcançadas com a contribuição direta do Parlamento Estadual em 2014, como a aprovação do reajuste aos servidores públicos, que beneficiou docentes da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), a aprovação do vale refeição e reajuste dos salários dos professores e pedagogos, e ainda a homenagem feita para 34 educadores, que receberam no plenário da Aleam a medalha Professora Ignês de Vasconcelos Dias, entregue aos profissionais que se destacaram pela atuação.

Manicoré tem recebido grande volume de investimentos do Governo do Estado, segundo o presidente, como a construção do Serviço de Pronto Atendimento (SPA), uma Maternidade, e uma delegacia de polícia na Comunidade de Santo Antônio do Matupi. A cidade também recebeu recursos para obras contenção de processos erosivos graves na orla de Manicoré, terraplanagem, pavimentação e drenagem do sistema viário da cidade e da Estrada de Atininga.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.