Cidades

Justiça decreta prisão preventiva de suspeito de assassinar o motorista do 448

Redação
Escrito por Redação

Apontado pela Polícia Civil de ter assassinado a facadas o motorista de ônibus, Márcio José Gama da Silva, de 37 anos, na sexta-feira (1), no terminal de ônibus da linha 448, localizado no bairro Cidade de Deus, zona Norte de Manaus, Linekin Marinho de Araújo, de 23 anos, conhecido como ‘Diabinho’, teve a prisão preventivas decretada pelo Plantão Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJ-AM) neste domingo (3).

Conforme a investigações, Linekin desferiu a facada no pescoço de Márcio. Ele e um comparsa promoveram um arrastão no terminal, onde a vítima trabalhava há nove anos.

Após o crime, uma Força-Tarefa composta por policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) e Secretaria Adjunta Executiva de Operações (Seaop), se mantém empenhadas na captura do suspeito.

Além de ‘Diabinho’, o comparsa que também participou do crime ainda não foi identificado pela polícia, mas a identidade do segundo suspeito está sendo coletada e tão logo a prisão preventiva representada em nome dele.

Sepultamento
Na manhã de domingo (3), amigos e familiares do motorista Márcio José Gama da Silva, de 37 anos, participaram do cortejo até o cemitério Aparecida, bairro Tarumã, zona Oeste de Manaus. O enterro foi marcado por protesto de justiça e muita comoção.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.