Brasil

Justiça manda R.R. Soares entregar passaporte diplomático

Redação
Escrito por Redação

A Justiça Federal em São Paulo determinou a suspensão dos passaportes diplomáticos concedidos ao pastor R. R. Soares e a sua mulher, da Igreja Internacional da Graça de Deus, concedidos pelo ministro das Relações Exteriores José Serra (PSDB) na quarta-feira da semana passada, 29 de junho.

De acordo com a reportagem do jornal O Globo, a liminar acata o pedido em ação popular movida pelo advogado Ricardo Abraão Amin, questionando a concessão do benefício aos pastores. O juiz da 7ª Vara Federal Cível Tiago Bologna Dias dá cinco dias para os pastores entregarem o documento à Justiça. Ele também afirmou que a concessão do benefício representa uma “confusão entre Estado e religião incabível”.

O juiz apontou que, além do alegado interesse do País, o Ministério deve explicar os motivos de forma mais detalhada para autorizar os passaportes, o que não foi feito na portaria envolvendo R. R Soares e sua mulher. Na prática, o passaporte diplomático permite a R. R Soares e sua mulher entrarem e saírem de alguns países com relação diplomática com o Brasil sem a necessidade de visto ou qualquer outra burocracia.

(NOTÍCIAS AO MINUTO)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.